CEO da HBO pede desculpas por criar perfis falsos para rebater críticos

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

O CEO da HBO, Casey Bloys, pediu desculpas por ter criado perfis falsos nas redes sociais para rebater críticas a programas da emissora. Em evento em Nova York para promover a programação do grupo, ele admitiu ter tomado a decisão errada de usar contas falsas no Twitter, atual X, para responder a críticos dos seriados. “Estava trabalhando de casa e passando um tempo doentio no Twitter, tive uma ideia muito, muito burra para descarregar minha frustração”, disse. O caso veio à tona após um ex-funcionário da HBO, Sully Temori, processar Bloys por assédio moral. A ação judicial revelou mensagens de texto em que o CEO solicitava a outros empregados a criação de contas falsas no Twitter para responder às críticas aos programas da HBO. O executivo pediu desculpas às pessoas mencionadas nas mensagens vazadas e disse que mudou sua abordagem, preferindo agora o diálogo direto por mensagens privadas. (Folha)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.