Ainda não é assinante? Assine. Não custa nada.

 
 


25 de julho de 2018
Consultar edições passadas

O milagre da multiplicação dos candidatos a vice


Segundo o PR, Josué Gomes só dará a resposta definitiva a respeito da vice de Alckmin amanhã, quando o Centrão formalizar o apoico aos tucanos. Até lá, há chances. Segundo apurou Tales Faria, o bloco terá outros quatro nomes a indicar. A senadora gaúcha Ana Amélia, do PP, o deputado pernambucano Mendonça Filho, do DEM, o empresário potiguar Flávio Rocha, do PRB, e o ex-deputado alagoano Aldo Rebelo, que embora por anos tenha dirigido o PCdoB, hoje está no Solidariedade.

Mas corre por fora, afirma o Radar da Veja, o paranaense Álvaro Dias — que é candidato à presidência ele próprio, e não tão longe assim de Alckmin nas pesquisas. O ex-governador paulista teria grandes chances de trazer para si, de largada, os 3 a 4% de votos de Dias.

Pois é. Enquanto não se decide pela vice tucana, uma aproximação de Josué com o PT tornou-se muito improvável. Na Folha de hoje, ele escreve longo artigo no qual diz muito pouco mas deixa uma afirmação clara. “Numa conjuntura marcada por agudos problemas, não há espaço para apostas e testes. Pelo que já fez e demonstrou em termos de liderança, sobriedade, capacidade de dialogar e de gerenciar bem em plena crise, Geraldo Alckmin reúne todos os requisitos para cumprir a complexa missão que se coloca.”

A campanha de Bolsonaro, enquanto isso, começa a entrar em parafuso. De acordo com o Painel da Folha, o ex-capitão voltou ao início da lista e tentou nova investida para conseguir o general Augusto Heleno, ex-comandante das Forças no Haiti. E ouviu, novamente, o mesmo não do PRP. E dois novos nomes começaram a circular, sugerindo — diz o BR18 — uma chapa puro-sangue. Um é o do presidente de seu PSL, Luciano Bivar. Outro, do deputado mineiro de primeiro mandato Marcelo Álvaro António.

Marina Silva busca, também, um vice dentro de sua Rede. O presidente do Flamengo Eduardo Bandeira de Mello é uma possibilidade, junto com o veterano deputado Miro Teixeira e o economista Ricardo Paes de Barros. (Globo)

Já a campanha de Ciro Gomes desligou-se ao menos momentaneamente da busca por vice para dar uma guinada à esquerda em busca dos votos petistas. “Lula só tem chance de sair da cadeia se a gente assumir o poder”, falou em entrevista à TV Difusora, do Maranhão. Para o pedetista, é preciso conter a Lava Jato. “Botar juiz para voltar para a caixinha dele, botar o Ministério Público para voltar, e restaurar a autoridade do poder político.”

Até agora, as únicas chapas com vice definido são as de PSOL, PSTU e Novo. Em comum o fato de que são, as três, puro-sangue, com vices do mesmo partido. E a boa turma do Nexo perguntou a cientistas políticos o porquê da dificuldade, este ano. “Normalmente existem duas candidaturas claramente definidas, que nas últimas eleições foram ocupadas pelo PT e pelo PSDB”. explica Marcia Ribeiro Dias, da Unirio. “Este ano, esses partidos estão em situação atípica. E os demais, que não têm vocação majoritária, estão tentando avaliar como vão se posicionar e estão com dificuldades de identificar quem será o candidato viável.” Cláudio Couto, da FGV-SP, concorda. “Esse cenário de indefinição e de fragmentação faz com que haja uma demora para confirmar as alianças. E não vejo nenhum candidato que seja beneficiado.”

Compartilhe:

A embaixadora da Nicarágua, Lorena Martínez, foi convocada ao Ministério das Relações Exteriores para que desse explicações sobre o assassinato, na segunda, da pernambucana Raynéia Gabrielle Lima. Segundo o reitor da Universidade Americana, onde ela estudava medicina, a moça foi atingida por um tiro no peito disparado por paramilitares ligados à Frente Sandinista, partido do presidente Daniel Ortega. O governo nicaraguense nega a versão do reitor e acusa um vigilante privado do crime. Ortega, que governou o país entre 1985 e 90 e está de volta ao cargo desde 2007, enfrenta uma onda de protestos e pesadas acusações de corrupção.

Compartilhe:

Foi preso no Rio, ontem, o PM reformado Alan de Morais Nogueira, suspeito de estar no carro dos executores da vereadora carioca Marielle Franco. Alan, cujo apelido é Cachorro Louco, foi preso por suspeita de outro crime, a morte de dois PMs, por ordem de Orlando da Curicica, um dos chefes de Milícia da cidade. Os investigadores estão tentando desmantelar o grupo. (Globo)

Compartilhe:

Cotidiano Digital


De passagem pelo Brasil, a diretora de relacionamento com políticos do Facebook, Katie Harbath, detalhou como as eleições funcionarão na rede. Candidatos só poderão impulsionar posts se estiverem previamente registrados no sistema — e cada peça de propaganda virá com CPF ou CNPJ do responsável. A partir de 16 de agosto, o público terá acesso a uma biblioteca com todos os anúncios políticos impulsionados. Inclui o valor gasto com a propaganda, a idade e o gênero de quem a viu. As páginas dos candidatos terão uma aba ‘temas’, onde aparecem as visões defendidas. E virá para o Brasil a ferramenta Town Hall, que por enquanto só existe nos EUA, e facilita a comunicação entre eleitores e políticos.

Aliás... Após anos de negociação, o Facebook conseguiu — enfim — autorização para abrir um escritório na China. A rede social não estará à disposição dos chineses, porém. Isso o governo não permitirá tão cedo. Mas, localizado na cidade de Hangzhou, o escritório funcionará como uma incubadora de startups que podem se tornar negócios digitais viáveis (e autorizados) no País do Centro.

Compartilhe:

O Galaxy Note 9, celular grande, com stylus, topo de linha da Samsung, será lançado globalmente em 9 de agosto.

Compartilhe:

Os números são do Comitê Gestor da Internet brasileira. 49% dos brasileiros online acessam a rede apenas pelo celular. 47% usam smartphone e computador.

Compartilhe:

O Chrome, browser para navegação na web do Google, implementou ontem uma mudança radical. Passará a considerar inseguros todos os sites que não estabelecerem conexões https. Dá para ver na barra de endereço: alguns começam com http e, outros, com https. O ‘s’ é de seguro. Em essência, a conexão entre o computador do usuário e o site que ele acessou é encriptada. Quaisquer dados — de email ao número de cartão de crédito — estão codificados. Assim, um hacker que intercepte a conexão não conseguiria ler a troca de informações.

Compartilhe:

Ainda não é certo, mas enquanto trabalha na próxima versão de seu Xbox, a Microsoft estuda a possibilidade de adotar o streaming nos games. Ao invés de comprar ou baixar os jogos, os usuários baixariam enquanto jogam — exatamente como ocorre com filmes da Netflix ou música, no Spotify. Com games, não é trivial. O problema é de latência. Um filme pode ter já pré-carregados os próximos cinco, dez minutos, de forma que o espectador raramente vê interrupções. Com games, a resposta tem de ser imediata. Gire o controller para um lado, a personagem na tela tem de reagir imediatamente. Mas download instantâneo não existe, por melhor que seja a banda. A conversa no meio é de que a Microsoft conseguiu resolver o problema, adotando uma tecnologia mista na qual parte do game vem por streaming, mas alguns recursos já ficam baixados localmente para responder à interação. Se ocorrer, a nova tecnologia provavelmente levará a indústria dos games para um novo modelo de negócios, voltado para assinatura e não mais compra dos jogos individuais.

Compartilhe:

Veja: num infográfico, aquisições na indústria da tecnologia entre 1991 e 2018. O Google é que mais compra empresas. É a Cisco, porém, que mais gastou dinheiro em compras.

Compartilhe:

Viver


Não deu mesmo para Neymar. O atacante ficou fora da lista dos dez finalistas na disputa pelo prêmio de melhor jogador do mundo na temporada 2017/2018. É a primeira vez em seis anos que nenhum jogador do Brasil figura entre os dez melhores do mundo. Messi e CR7 estão na lista, assim como os franceses Mbappé, Griezmann e Varane, os belgas Hazar e De Bruyne, o inglês Kane, o egípcio Salah, e o croata Modric.

Aliás... A popularidade de Neymar na internet sofreu um forte abalo na Copa do Mundo. Ele foi assunto em mais de 25 milhões de postagens nas redes sociais, superando Messi e Cristiano Ronaldo. A maioria do conteúdo, no entanto, tinha teor negativo. A pesquisa é do Ibope.

João Pedro Fonseca, do Globo: “Neymar e seu estafe nunca disfarçaram o fetiche pela eleição de melhor do mundo. O revés desta terça, quando foi ignorado pela Fifa, escancara o tamanho do prejuízo causado por sua tragicômica participação na Copa. Neymar deixou a Rússia como piada. Ao optar pelo silêncio, talvez esperasse que os memes perdessem fôlego. Aconteceu o contrário: viraram correntes e até jogo. Quando decidiu se pronunciar, fez pouco caso das críticas. Se faltava um alerta, está dado. Talvez com uma crueldade excessivamente moralista, a Europa pune Neymar por suas caras, bocas e rolamentos. E evidencia que há muito a ser recuperado pelo brasileiro dentro de campo, onde foi ultrapassado por Mbappé, mas principalmente fora dele.”

Tite também não teve lugar entre os 11 indicados a melhor técnico do mundo. A lista tem nomes como Didier Deschamps (França), Roberto Martinez (Bélgica), Zlatko Dalic (Croácia), Zinedine Zidane (ex-Real Madrid) e Pep Guardiola (Manchester City).

Mas está quase tudo certo na renovação de contrato de Tite com a CBF até a Copa do Mundo de 2022. O técnico já aceitou o convite para continuar no comando da seleção brasileira.

Isto posto... Quem se deu bem mesmo foi o futebol feminino. Marta é de novo concorrente ao prêmio de melhor jogadora do mundo — troféu que ela já venceu cinco vezes. E o técnico da seleção brasileira feminina, Oswaldo Alvarez, o Vadão, também concorre na sua modalidade.

Compartilhe:

Há anos é frequente entre nutricionistas o debate sobre a dieta ideal. Mas vem ganhando força uma corrente de pesquisas que diz que não importa apenas o que comemos, mas também quando o fazemos. Ela sugere que nossos corpos funcionam muito bem quando alinhamos nossos padrões alimentares com nossos ritmos circadianos — os ciclos de 24 horas que dizem ao nosso corpo quando acordar, quando comer e quando adormecer. Interromper cronicamente esse ritmo — por meio de refeições tardias ou mordiscando lanches à meia-noite, por exemplo — pode ser uma receita para ganho de peso e problemas metabólicos. (New York Times)

Compartilhe:

Em 2016, as doenças do aparelho circulatório causaram a maior parte das mortes no Brasil. Em gráficos, o Nexo mostra quais são as principais causas de morte pelo país.

Compartilhe:

Cultura


Yoko Ono anunciou o lançamento de um novo álbum, Warzone, para outubro. Ela reuniu 13 músicas de seu catálogo, cobrindo o período que vai de 1970 a 2009. O disco inclui a canção Imagine, de John Lennon. (Globo)

Compartilhe:

O negócio da internet se encontrou com o sofisticado mercado de arte. O resultado é uma série de sites — Artsy, Paddle8, Uprise Art, entre outros — voltados para a venda de obras originais de artistas que ainda não explodiram. Além de oferecer um novo espaço que democratiza acesso ao público, os sites se voltam também à formação de novos colecionadores, jovens como os artistas que divulgam. (Washington Post)

Compartilhe:

A cantora e atriz Demi Lovato foi hospitalizada ontem em Los Angeles pelo que parece ter sido uma overdose. Aos 25 anos, ela enfrenta há tempos problemas com o álcool e as drogas. Demi também sofreu na adolescência com a bulimia e passou por fortes crises de autoestima. Teve, inclusive, que ser internada em um centro de reabilitação.

Compartilhe:


Share Tweet


Ainda não é assinante? Assine. Não custa nada.





25 de julho de 2018
Consultar edições passadas