Em ano eleitoral nos EUA, Instagram se destaca como fonte de informação

Fotos de comida e biquinhos de selfie ainda dominam o Instagram, mas a plataforma de fotos e vídeos curtos vem se convertendo cada vez mais numa fonte de notícias – e de renda para quem sabe usá-la. Millennials e integrantes da Geração X parecem se sentir mais à vontade para consumir notícias no formato curto do Instagram e a compartilhá-las em stories, mesmo que os perfis que as geram usem como fonte a mídia tradicional, alvo de desconfiança de uma parcela dos usuários. (New York Times)

Filho de Gal diz ter sido coagido por viúva da cantora

Gabriel Costa, filho da cantora Gal Costa, entrou na Justiça para anular um documento assinado por ele dizendo que a mãe vivia em relação conjugal com Wilma Petrillo, a quem acusa de coação. O documento foi a base para que ela fosse reconhecida como viúva e também herdeira da cantora, morta em novembro de 2022, quando ele tinha 17 anos. Na ação, Gabriel diz que temia pela própria segurança por viver na mesma casa que Wilma e diz que ela o obrigava a tomar remédios controlados. Segundo ele, Wilma tentou obrigá-lo a assinar um outro documento reconhecendo-a como detentora de 75% dos direitos sobre a obra de Gal, alegando que, sem isso, eles não receberiam nada e “passariam fome”. Procurada pelo g1, Wilma Petrillo não se manifestou. (g1)

Focus: mercado prevê inflação menor e PIB maior em 2024

O mercado financeiro prevê que 2024 chegará ao fim com inflação menor e um crescimento maior do PIB, segundo dados do Boletim Focus, divulgado excepcionalmente nesta quinta-feira pelo Banco Central. A mediana da expectativa de inflação pelo IPCA recuou de 3,82% para 3,81%. Já projeção do crescimento do PIB passou de 1,60% para 1,68%. Pela oitava semana consecutiva o mercado manteve em 9% a expectativa da taxa Selic para este ano. Normalmente divulgado às segundas-feiras, o Focus só foi liberado na quinta devido a uma paralisação parcial dos servidores do BC. (InfoMoney)

Governo convida PSDB e Cidadania para reunião com Lula e Lira

Embora não integrem o governo, PSDB e Cidadania foram convidados pelo Planalto para a reunião entre o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e os líderes de partidos com ministérios. O encontro acontecerá na noite desta quinta-feira, mas até o momento as duas legendas não informaram se enviarão representantes. A justificativa para o convite é que os dois partidos, que formam uma federação, votam com o governo em determinados temas. O PSDB ficou neutro no segundo turno das eleições presidenciais de 2022, mas diversos tucanos históricos, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, declararam apoio a Lula. (Globo)

Daniel Alves é condenado a 4 anos e meio de prisão por estupro na Espanha

O jogador brasileiro Daniel Alves foi condenado pela Justiça espanhola a quatro anos e seis meses de prisão pelo estupro de uma mulher numa boate em Barcelona, no fim de 2022. A sentença prevê ainda cinco anos de liberdade vigiada e pagamento à vítima de uma indenização de 150 mil euros (R$ 804 mil). A defesa de Daniel Alves pode recorrer, mas ele permanecerá preso durante o processo. De acordo com sentença da juíza Isabel Delgado, ficou comprovado que não houve consentimento na relação sexual mantida na boate, ressaltando que jogador derrubou a denunciante no chão e a impediu de se mover enquanto a penetrava. (g1)

Carros, romances e animações nas telas

Enzo Ferrari, o piloto-empresário que virou sinônimo de carros velozes ganha uma cinebiografia estrelada por Adam Driver (sem trocadilho), destaque nas estreias desta quinta-feira nos cinemas. Mas também há comédias românticas gregas e brasileiras e animes para os (muitos) fãs da estética dos desenhos japoneses. Confira os trailers.

No G20, Brasil critica paralisia da ONU frente a guerras

Chanceler brasileiro cobra reformulação de organismos internacionais e diz que diferenças devem ser resolvidas com diplomacia, não conflitos armados. Lula recebe o secretário de Estado dos EUA em meio a crise com Israel. Brasil perde o economia Affonso Celso Pastore e o sociólogo Luiz Werneck Vianna. Rio declara epidemia de dengue. Google anuncia centro de engenharia em São Paulo. E confira as estreias de hoje nos cinemas.

‘Inaceitável paralisia’ : Brasil abre 1ª grande reunião do G20 com críticas à ONU

O primeiro grande encontro de chanceleres do G20, no Rio de Janeiro, foi marcado ontem pela crítica brasileira à inação da ONU e ao uso da força diante das guerras na Faixa de Gaza e na Ucrânia. Confira neste episódio.

Morre sociólogo Luiz Werneck Vianna, aos 86 anos

Morreu nesta quarta-feira o sociólogo Luiz Werneck Vianna, aos 86 anos. A causa da morte não foi informada pelo Hospital Copa D'Or. Nascido no Rio de Janeiro, se formou em Direito na antiga Universidade do Estado da Guanabara, atual Uerj, e em Ciências Sociais pela UFRJ. Em 1970, no auge da ditadura militar, se exilou no Chile. Ao retornar, publicou alguns dos livros considerados fundamentais para a sociologia brasileira, como Liberalismo e Sindicato no Brasil. Atualmente, era professor da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). (g1)

Ministério da Justiça envia série de recomendações a presídios federais

Após dois integrantes do Comando Vermelho protagonizarem a primeira fuga de um presídio de segurança máxima, ao escaparem da Penitenciária Federal de Mossoró (RN) na semana passada, a Secretaria Nacional de Políticas Penais do Ministério da Justiça e Segurança Pública enviou uma série de recomendações aos cinco presídios federais do país. Entre as medidas estão a obrigatoriedade de revistas diárias em todas as celas, pátios e parlatórios, onde ocorrem as visitas, e a substituição imediata das câmeras de monitoramento quebradas ou com baixa resolução de imagens. O documento também pede que sejam reforçadas as estruturas de iluminação das celas de forma que impossibilite a retirada pelos detentos. (CNN Brasil)