Justiça dos EUA anula vitória da Sonos contra o Google

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

A Justiça dos EUA rejeitou a vitória da Sonos que condenou o Google a uma multa de US$ 32,5 milhões em maio. Na ocasião, a gigante de buscas perdeu a batalha judicial contra a empresa de alto-falantes após ser considerada culpada por infringir uma das patentes de áudio da empresa. Ambas as partes apresentaram múltiplas ações judiciais alegando violações de patentes. Segundo a nova decisão, o juiz William Alsup disse que as patentes da Sonos são inexequíveis e inválidas. “Este foi um caso em que a indústria liderou com algo novo e, só então, um inventor surgiu do nada para dizer que tinha tido a ideia primeiro”, disse. De acordo com ele, a empresa vinculou erroneamente pedidos de patente em 2019 a um pedido provisório anterior, datado de 2006. O objetivo era reivindicar uma data anterior antes que o Google lançasse seus produtos. Em resposta, a Sonos diz que a decisão de Alsup está “errada” e planeja apelar. (The Verge)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.