Ponto de Partida

Esteja você na direita ou na esquerda, comece por aqui. Pedro Doria explica didaticamente o início, o fim e o meio da política nacional.

Segundas, quartas e sextas, sempre ao final do dia.

A arte de ser golpista no Brasil

No século 20, por oito vezes golpes de Estado foram tentados, fracassaram, e quase sempre não houve punição alguma. Na história da República, começando por 1889, houve seis golpes de Estado bem-sucedidos, nove fracassados. Sim, nesta lista incluí o 8 de janeiro de 2023. Estamos falando de um total de 15 golpes envolvendo as Forças Armadas. Dá um golpe a cada nove anos de República.

Quando minha opinião é minoritária

Às vezes o jornalista tem de lidar com o fato de que sua análise está em minoria. Não é que discorde de valores de outros, mas é que está compreendendo um episódio de uma forma muito distinta da maioria. Aí há duas escolhas. Ou se esconder. Ou falar ainda assim.

O moralismo de esquerda

Existe uma onda moralista perigosa tomando o Brasil. Uma onda que pressiona professores em sala de aula, que cobra de jovens um comportamento rígido dentro de normas intransigentes, que não tolera qualquer forma de dissenso. Essa onda vem da esquerda.

Cancelados de esquerda

O feitiço virou contra o feiticeiro. Cancelamentos foram inventados como arma para os movimentos identitários tentarem influir no debate público. Agora, está sendo usada contra eles para manter o status quo.

PT é sinônimo de corrupção?

A corrupção brasileira não é petista. Não é, sequer, de esquerda. Mas ela tende a aumentar quando o Estado quer investir muito, concentrando a decisão de gastos em poucas pessoas e os beneficiários do dinheiro num número muito pequeno de empresas. Vale para governos de direita que foram assim, igualmente. E mais: um debate sobre o papel da educação no crescimento econômico. Afinal, é importante ou não é?

O plano de Lula

O que pensa Lula? Com nove meses no governo já dá para dizer em que Lula III é diferente do I e do II. Para muita gente dentro da esquerda, as notícias não são boas. Vamos decodificar todas suas ações para mostrar como toca seu governo e com que objetivos?

O jornalista não quer se posicionar!

Pedro responde aos leitores que acham que ele foge de temas contra Lula. Ou a favor de Lula. Ou… E mais: o Brasil dos anos 1950-80 foi o melhor que tivemos?

IA mostra que o Brasil anda em círculos

Hoje, um Ponto de Partida diferente — três histórias do passado brasileiro que, se contadas como se fossem hoje, soariam de todo familiares. Uma mostra de que, por um lado, andamos em círculo nos últimos cento e tantos anos. E, para recontar, uma ajudinha da inteligência artificial.

E se o PIB for outro?

Três economistas refizeram as contas de como evoluiu o PIB brasileiro nos últimos 200 anos. E isso pode fazer reavaliar a maneira como debatemos política, hoje.

O brasileiro tem culpa da política?

O Ponto de Partida sobre o desastre da nomeação de Cristiano Zanin para o STF, assim como o que tratou dos riscos de corrupção no governo Lula com a indicação de dois ministros para ocuparem cargos no conselho de uma empresa privada deram muita discussão entre nossos espectadores. Pedro Doria separou alguns e comenta.