Assine o Meio: notícia confiável para quem não tem tempo de ler jornal.



Share Tweet


Agenda cultural para 01-10-21



De hoje a 10 de outubro, a Mostra de Cinemas Africanos ocupa o Sesc Digital com uma curadoria que lança luz sobre o cinema de gênero do continente, como o filme de terror e fantasia Juju Stories, do coletivo nigeriano Surreal 16, e o road movie feminista Flatland, dirigido pela sul-africana Jenna Bass.

A cantora Josyara e a dupla Saskia & Felinto estão entre os destaques do Negras Melodias Show, festival online que acontece ao longo do fim de semana.

As homenagens ao centenário de Astor Piazzolla continuam na temporada da Osesp com duas apresentações hoje: do quarteto de tango e jazz Escualo Ensemble e da pianista francesa Lise de la Salle. Também nesta sexta, o CelloSam3aTrio, de Jaques Morelenbaum, interpreta obras de Dorival Caymmi e Edu Lobo, entre outros, na Sala Cecília Meireles.

Com programação presencial na cidade de Belo Jardim, em Pernambuco, e online, a Mostra Play the Movie, que começa hoje, exibe curtas-metragens e clipes nacionais, além de realizar oficinas e debates. Confira a programação.

O grupo catarinense Cena 11 abre amanhã a 12ª Bienal Sesc de Dança com o espetáculo Matéria Escura. Entre os destaques internacionais, estão Este Corpo é Tão Impermanente…, do diretor norte-americano Peter Sellars, e Abismo, da companhia sul-coreana Ninety9 Art.

A cantora Maria Beraldo apresenta no sábado o repertório do disco Cavala, com transmissão do Tendal da Lapa. No mesmo dia, a poeta e slammer Luz Ribeiro homenageia Carolina Maria de Jesus em show para o Itaú Cultural.

Organizada pela Cia. Os Crespos com o Grupo Clariô, a 3ª Mostra de Cinema Negro Faz Lá o Café começa na segunda e traz, entre as atrações, a pré-estreia do filme-espetáculo Dois Garotos que se Afastaram Demais do Sol, com a história do primeiro campeão mundial de boxe a assumir sua bissexualidade.

De terça a quarta, o canal Curadoria Hilst no YouTube exibe a peça As Aves da Noite, escrita por Hilda Hilst em 1968 e ambientada em Auschwitz, em montagem dirigida por Hugo Coelho.

Apresentada em três salas simultâneas com atores de diferentes pontos do Brasil, a peça online (In)confessáveis, idealizada por Marcelo Varzea, começa nova temporada na terça.

No mesmo dia, as cineastas Everlane Moraes e Juliana Antunes conversam com o artista visual Mulambö em live do IMS com apresentação de Kleber Mendonça Filho e mediação de Débora Butruce.

Ainda na terça, o artista Mateus Moreira exibe 15 pinturas na individual Desolação, que ganhará tour virtual 3D pela Casa Fiat de Cultura. No site da Casa Triângulo, por sua vez, já é possível conferir a mostra Pelo Avesso, com obras de Antonio Henrique Amaral. Na quinta, a banda Skank se reúne para uma live direto da Sala Minas Gerais.

A cineasta Lucia Murat, de Quem Bom te Ver Viva, é a homenageada do 3º Cabíria Festival – Mulheres & Audiovisual, que a partir de quarta ocupa as plataformas Videocamp, Mubi, Telecine e YouTube.

A artista visual japonesa Yuko Mohri fala sobre seu processo criativo nessa quarta em live da Japan House São Paulo com participação dos curadores Paulo Miyada e Jacopo Crivelli Visconti e da diretora do instituto, Natasha Barzaghi Geenen.

Vinte artistas independentes exibem HQs de forma gratuita na Banca de Quadrinistas, disponível no site do Itaú Cultural ao longo de todo mês de outubro. Veja quem são.

Para mais dicas de cultura, assine a newsletter da Bravo!.



Share Tweet