Ainda não é assinante? Assine. Não custa nada.



Share Tweet


Agenda cultural para 25-03-2022



Além de sessões em São Paulo e no Rio de Janeiro, o festival de documentários É Tudo Verdade exibe a partir de quinta parte expressiva de sua programação em plataformas virtuais, incluindo os filmes de abertura e encerramento: A História do Olhar, de Mark Cousins, e O Território, de Alex Pritz.

Estreias da compositora norte-americana Jessie Montgomery e do peruano Jimmy López marcam o concerto da Osesp dessa sexta, que conta ainda com a Sinfonia do Novo Mundo, de Dvo?ák, regida pelo britânico Alexander Shelley.

Para celebrar o Dia Nacional da Comunidade Árabe, o Museu da Imigração realiza nesse fim de semana uma mostra de curtas-metragens e a apresentação online da peça Cartas Libanesas, protagonizada por Eduardo Mossri sob a direção de Marcelo Lazzaratto.

Até o dia 26 acontece o Festival de Música Contemporânea Brasileira, que realiza shows e mesas de debate presenciais em Campinas com transmissão virtual. A programação se encerra no sábado com o show de João Donato, homenageado da edição.

De volta para a segunda temporada, o podcast Mano a Mano reestreou com um longo papo entre os rappers e intelectuais Mano Brown e Emicida, que compartilharam suas afinidades eletivas e discutiram política e história.

Até sábado também rola a 1ª Mostra de Cinema do Vale do Ribeira, que exibe 12 produções regionais em curta e média-metragem, além de longas convidados como Mulher Oceano, dirigido por Djin Sganzerla.

Além das apresentações na região central de São Paulo, o Música Estranha Festival também realiza uma série de oficinas virtuais a partir do dia 2 de abril. As inscrições já estão abertas.

A TV Cultura transmite nesse domingo alguns dos destaques da temporada da Jazz Sinfônica no ano passado, com convidados como Edu Lobo, Mônica Salmaso, Elba Ramalho e Chico César.

A editora Perspectiva e o Sesc São Paulo realizaram nessa semana o evento virtual 100 Jacó: Judaísmo, Cultura e Transmissão, que celebrou o centenário de nascimento de Jacó Guinsburg. Disponível no YouTube, a live inclui uma entrevista inédita com o escritor e editor morto em 2018, além de uma mesa de debates sobre seu legado.

Depois de se debruçar sobre a trajetória política de Sérgio Moro em O Código Russo, a produtora de podcasts documentais Atabaque investiga o assassinato do diplomata José Jobim pela ditadura no programa Cálice, que estreou nessa semana.

Para outras dicas de cultura, assine a newsletter da Bravo!.



Share Tweet