Agência humanitária da ONU em Gaza pode parar por falta de combustíveis

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

Um dos poucos organismos prestando atendimento humanitário aos palestinos em Gaza, a agência da ONU no território palestino avisou que pode interromper nesta quarta-feira suas operações devido à falta de combustível para gerar energia em hospitais e acionar purificadores de água. O fornecimento por Israel foi cortado após os ataques terroristas do Hamas no último dia 7 e os suprimentos que entram pelo Egito não são suficientes para manter a rede de apoio à população funcionando. Para agravar a situação, Israel bloqueou os vistos dos funcionários da ONU em represálias às declarações do secretário-geral António Guterres, para quem os bombardeios diários em Gaza são “uma clara violação das leis humanitárias internacionais”. (CNN)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.