Lula perante o genocídio

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

O Brasil foi um dos onze países que propuseram a Convenção do Genocídio da ONU. O caso dos ianomâmi se encaixa como uma luva no texto da convenção. Cada vez são mais graves os temas com os quais o governo Lula terá de lidar. Não é hora, então, de Lula parar de comprar briga à toa?

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.