Evergrande tem negociações de ações suspensas em Hong Kong

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

As negociações do grupo chinês Evergrande e de suas subsidiárias na Bolsa de Valores de Hong Kong foram suspensas hoje, um dia após o presidente e fundador da companhia, Hui Ka Yan, ter sido alvo de uma operação policial. A medida é o mais recente sinal de que a incorporadora afundada em dívidas pode ser alvo da justiça criminal chinesa. No início deste mês, alguns funcionários da unidade de gestão de patrimônio e dois ex-executivos também foram detidos. A Evergrande está no centro de uma crise imobiliária que já dura anos e que prejudicou a economia chinesa e abalou a confiança no mercado imobiliário. (InfoMoney)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.