Simone Tebet nega ingerência de Lula em empréstimo para a Argentina

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

A ministra do Planejamento, Simone Tebet, negou que o presidente Lula tenha atuado para viabilizar a concessão de um empréstimo de US$ 1 bilhão da Corporação Andina de Fomento (CAF) à Argentina. De acordo com ela, a transação foi discutida somente com a secretária de Assuntos Internacionais e Desenvolvimento do ministério, Renata Amaral, e que havia a certeza de que os demais países da CAF votariam a favor. A informação sobre a atuação de Lula é da colunista Ana Rosa, do Estadão, segundo a qual o empréstimo serviria de garantia para que a Argentina recebesse um aporte do FMI antes das eleições presidenciais do próximo dia 22. O candidato de direita radical Javier Milei, favorito em um eventual segundo turno, acusou o presidente brasileiro de agir contra sua candidatura para favorecer o ministro da Economia, Sergio Massa. (CNN Brasil)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.