Hamas diz que 13 reféns morreram em bombardeios israelenses

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

O Hamas informou nesta sexta-feira que 13 reféns, incluindo estrangeiros, morreram em consequência de bombardeios israelenses na Faixa de Gaza. Cerca de 150 pessoas, entre elas idosos e crianças, foram sequestradas pelo grupo terrorista durante sua incursão em Israel no último sábado. Desde então Israel intensificou o bombardeio a Gaza e decretou um bloqueio total ao território palestino, controlado pelos extremistas islâmicos, onde vivem mais de dois milhões de pessoas. (Reuters)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.