Campos Neto: Pix vai tomar funções do cartão de crédito

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

As inovações do Pix vão permitir que a ferramenta tenha funções semelhantes às do cartão de crédito. Foi o que disse hoje o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, durante evento de premiação da Band. “Temos novas adições ao Pix. Olhamos para uma parte internacional, para a parte dos pagamentos programáveis. Ele vai tomando uma função que, hoje, é do cartão de crédito, que é você poder fazer um fluxo de pagamentos ao longo do tempo”, disse. Atualmente, o Pix já oferece a opção de agendamento, mas ainda não é possível escolher o horário da transação. A expectativa é que o BC adicione a função débito automático em 2024. “O Pix é um pedaço de um plano muito maior, que inclui uma competição, uma digitalização e uma tokenização maior”, disse o presidente da autarquia. Enquanto isso, o Banco Central tem conduzido discussões para limitar as taxas altas de juros do rotativo do cartão de crédito, atualmente em 445,7% ao ano. (Folha)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.

Se você já é assinante faça o login aqui.

Fake news são um problema

O Meio é a solução.

Edições exclusivas para assinantes

Todo sábado você recebe uma newsletter com artigos apurados cuidadosamente durante a semana. Política, tecnologia, cultura, comportamento, entre outros temas importantes do momento.


R$15

Mensal

R$150

Anual
(economize 2 meses)
Edição de Sábado: Biden e a sombra de 1968
Edição de Sábado: Descriminalizou, e agora?
Edição de Sábado: Em nome delas
Edição de Sábado: Nova era dos extremos
Edição de Sábado: A realidade argentina nos 6 meses de Milei

Sala secreta do #MesaDoMeio

Participe via chat dos nossos debates ao vivo.


R$15

Mensal

R$150

Anual
(economize 2 meses)

Outras vantagens!

  • Entrega prioritária – sua newsletter chega nos primeiros minutos da manhã.
  • Descontos nos cursos e na Loja do Meio

R$15

Mensal

R$150

Anual
(economize 2 meses)