Morre jornalista Carlos Roberto Amorim, aos 71 anos

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

Morreu neste sábado, em São Paulo, o jornalista Carlos Roberto Amorim da Silva, aos 71 anos. A causa não foi revelada. Em comunicado, a família informou que ele estava internado no Hospital Oncológico AC Camargo. Nascido no Rio de Janeiro, foi repórter do jornal A Notícia aos 16 anos. Trabalhou nos principais jornais do Rio e em revistas nacionais. Passou cinco anos na redação d’O Globo, seguindo para a TV, onde foi diretor do Fantástico, chefe de redação do Globo Repórter e editor do Jornal da Globo, Jornal Hoje e Jornal Nacional. Carlos Amorim também passou pelas redações de outras grandes emissoras, como SBT, Record, Bandeirantes e da extinta TV Manchete. Ele ainda ganhou dois prêmios Jabuti pelo livro reportagem Comando Vermelho – a história do crime organizado, em 1994, e Assalto ao poder: o crime organizado, em 2011. (g1)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.