Avaliação do governo é ruim entre os deputados, aponta Genial/Quaest

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

A queda na avaliação do governo Lula entre a população já foi percebida pelo Planalto, mas ela se repete, e de forma até mais acentuada, em um espaço crucial para o funcionamento do Executivo: a Câmara dos Deputados. Pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quarta-feira (íntegra), mostra que a avaliação negativa do governo entre os deputados saltou de 33% em agosto do ano passado para 42% agora, enquanto a positiva recuou de 35% para 32%, e a regular de 30% para 26%, ambas dentro da margem de 4,8 pontos. Para fins de comparação, a última pesquisa da Quaest entre a população em geral mostrava as avaliações positiva e negativa do governo empatadas em 33% e a regular em 31%.

PUBLICIDADE

Para a pesquisa, foram ouvidos 183 deputados (35% da Câmara), respeitada a proporcionalidade de bancadas e regiões de origem. Houve uma inversão quase total na visão dos rumos do país. Em agosto do ano passado, 52% dos parlamentares ouvidos acreditavam que o Brasil estava na direção certa, enquanto 42% discordavam. Hoje, são 52% considerando que país vai na direção errada, contra 38% para os quais estamos no caminho correto. Os números conferem com a opinião pública, onde 49% acham que o rumo está errado e 42% que está certo.

Também há uma avaliação negativa da política econômica, errada para 55% e certa para 40% dos deputados entrevistados. E 80% deles não acreditam que o governo vá cumprir a meta de déficit zero em 2024.

Mas é a na relação entre Executivo e Legislativo que o descontentamento deste se faz mais claro. No total, 64% dos deputados acham que o governo dá menos atenção do que deveria aos parlamentares, enquanto 27% acham que recebem a atenção devida. A relação do Planalto com o Congresso é considerada ruim por 43% dos entrevistados, regular por 33% e boa por somente 22%. Entretanto, apenas 19 dos 183 deputados ouvidos disseram nunca terem sido recebidos por um ministro no atual governo e 25 reclamaram de não verem atendidos seus pedidos.

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.