Ainda não é assinante? Assine. Não custa nada.



11 de abril de 2019
Consultar edições passadas

Bolsonaro tenta tirar o Nordeste do PT


Diante da alta rejeição na Região Nordeste, onde teve apenas 30% dos votos no segundo turno, o presidente Jair Bolsonaro prepara iniciativas para conquistar os eleitores locais. Até o fim desse semestre, o Ministério da Agricultura vai divulgar um pacote de apoio aos produtores rurais que deve beneficiar 150 mil famílias. (Estadão)

Em outra frente, o próprio Bolsonaro vai formalizar hoje a concessão de um 13º para beneficiários do Bolsa Família, que tem grande penetração no Nordeste. Na prática, diz Josias de Souza, o presidente tenta tirar os beneficiários do programa da “coleira política” do PT. Na região, a população recebeu a notícia com desconfiança.

Uma das grandes apostas do governo, o pacote anticrime do ministro Sérgio Moro é visto com desconfiança pela população, segundo o Datafolha. De acordo com a pesquisa, 64% são contra regras mais frouxas para a posse de armas e 72% acham que elas não deixam a sociedade mais segura. Sobre a atuação da polícia, a rejeição é ainda maior, com 81% dizendo que agentes da lei não podem atirar quando há risco de ferir inocentes e 79% defendendo a investigação de mortes cometidas por policiais. (Folha)

E a Justiça Militar manteve a prisão de nove homens do Exército (um tenente, um sargento e sete soldados) envolvidos na morte do músico Evaldo Rosa. Apenas um soldado foi liberado, após a investigação concluir que não disparou nenhum dos 80 tiros que atingiram o carro onde estavam o músico e sua família.

Enquanto isso, deputados estaduais do Rio aprovaram o porte de armas para eles mesmos.

Com a reforma da Previdência tramitando no Congresso, o governo começa a desenhar outra frente vista como fundamental para a retomada do crescimento, a reforma tributária. Entre as ideias estão a fusão de cinco impostos (PIS, Cofins, IPI, uma parte do IOF e talvez a CSLL) num único tributo federal e o fim da contribuição patronal para o INSS. Para manter a arrecadação da Previdência, seria criada uma versão parruda da CPMF, incidindo sobre pagamentos em cheque, cartão e até dinheiro. Acabariam ainda as desonerações de produtos como alimentos e remédios. (Estadão)

Segundo o secretário da Receita Federal, Marcos Cintra, a previsão é que a carga tributária brasileira caia dos atuais 33,58% do PIB para 30% até o fim do governo Bolsonaro. Cintra vê com reservas a ideia de tributar lucros e dividendos pagos por empresas a acionistas. (Estadão)

Prevista para a próxima quarta-feira, a votação da reforma da Previdência na CCJ da Câmara pode ser antecipada para terça. O governo teme que o feriado da Páscoa, no final da semana que vem esvazie o Congresso e acabe protelando a decisão. Como não há acordo, uma das estratégias da situação é reduzir o tempo de fala dos deputados inscritos para discursar. Já a oposição ameaça obstruir a votação.

E Bolsonaro entrou de vez na articulação da reforma. Além de reservar parte de três dias da semana para receber parlamentares, avisou que vai apressar a liberação de pelo menos R$ 3 bilhões de emendas parlamentares individuais ainda neste semestre. (Estadão)

Após demitir o presidente da Apex, o chanceler Ernesto Araújo deu mais uma demonstração de força, retirando o embaixador Sérgio Amaral do comando da representação diplomática brasileira em Washington. E não deve ser o único. Araújo tem criticado os diplomatas por não defenderem a imagem de Bolsonaro no exterior. Ainda não foi nomeado o substituto, que não precisa ser dos quadros do Itamaraty. (Globo)

O TRE do Mato Grosso cassou o mandato da senadora e ex-juíza Selma Arruda (PSL). Apelidada de “Moro de saias” por ter mandado prender políticos no estado, ela foi condenada por caixa 2 e abuso de poder econômico. A senadora omitiu da Justiça Eleitoral gastos de R$ 1,23 milhão na campanha do ano passado. Selma já anunciou que vai recorrer ao TSE e tentar um efeito suspensivo para continuar no cargo até a decisão final.

Adélio Bispo de Oliveira, que esfaqueou o então candidato Jair Bolsonaro em setembro do ano passado, pode ser condenado pelo crime, mas deve receber uma pena menor devido a transtornos mentais atestados em exames.


Theresa May queria 30 de junho; os líderes da União Europeia preferiam 31 de dezembro (ou mesmo março de 2020). No fim das contas, a UE aceitou adiar a saída do Reino Unido de seu bloco até o dia 31 de outubro. Um dos motivos, ao que parece, é a reunião do Conselho Europeu, que acontecerá em Bruxelas no dia 17 daquele mês. Como consequência, o país terá que participar das eleições para o Parlamento Europeu em maio, algo que May gostaria de evitar.

Omar al-Bashir, que governava o Sudão desde um golpe em 1989, foi deposto e preso por militares.

Viver


É uma nova era para o estudo do Universo: a primeira foto de um Buraco Negro não deixa dúvida de que a relatividade geral funciona para qualquer tamanho de buraco negro, seja ele pequeno ou supermassivo. Aliás, o Google já criou um Doodle pra celebrar a imagem.

Pra quem ficou desapontado com a imagem revelada ontem, deve assistir o vídeo Como Entender a Imagem de um Buraco Negro (legendado). Vale ressaltar que a foto não veio do centro da nossa galáxia, mas de muito mais longe, do coração da galáxia gigante M87, a 55 milhões de anos luz daqui. “Isso é um feito científico extraordinário, alcançado por um time de mais de 200 pesquisadores”, afirmou Sheperd Doeleman, diretor do projeto que pode ser considerado a maior ‘câmera fotográfica’ já concebida.

O EHT (sigla em inglês para Telescópio do Horizonte de Eventos) é uma rede que conecta oito potentes radiotelescópios espalhados pelo planeta. “Se ele fosse uma pessoa sentada em um café em Paris, seria capaz de ler um jornal do outro lado do Atlântico, em Nova York”. Veja imagens do momento da divulgação.

E lugar de mulher é onde ela quiser... Conheça a jovem cientista de 29 anos por trás do algoritmo que foi capaz de capturar a imagem revolucionária. “Observando, incrédula, a primeira imagem que eu já fiz de um buraco negro que estava em processo de reconstrução”, escreveu Kate Bouman no Facebook.

Einstein acertou mais uma vez. Em 1900, o renomado lorde Kelvin teria dito à Associação Britânica para o Progresso da Ciência que “não há nada a ser descoberto na Física atualmente". Ele estava enganado. O trecho abre o quinto capítulo da biografia Einstein - sua vida, seu universo. Neste trabalho, Walter Isaacson - o  mesmo biógrafo de Da Vinci e Steve Jobs - captura o Einstein completo, desnudando a vida íntima de uma mente genial que enxergou o mundo com olhos diferentes; olhos de gênio.

Cientistas também anunciaram a descoberta dos vestígios de uma espécie humana até então desconhecida na ilha filipina de Luzon. É a terceira descoberta do gênero em ilhas asiáticas nos últimos 15 anos e pode mudar radicalmente a forma como se vê a expansão humana no planeta.

Ainda sobre ciência… dois astrônomos brasileiros descobriram sinais da existência de um exoplaneta com massa 13 vezes maior que a de Júpiter. O resultado da pesquisa foi publicado pelo The Astromical Journal, da Sociedade Americana de Astronomia.

E por falar em pesquisa, a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), em parceria com o Programa Universidade Aberta do Brasil (UAB), está com inscrições abertas para cursos de especialização a distância.

Um teste de DNA identificou o suposto assassino de duas mulheres mortas em 1973 em Virginia Beach.“Ernest J. Broadnax, que tem cerca de 80 anos, foi identificado através de uma tecnologia que nem sequer existia quando Lynn Seethaler e Janice Pietropola, ambas com 19 anos, foram mortas”, aponta o NYT. Outras dez mulheres com características físicas semelhantes desapareceram entre 1973 e 1985. Durante décadas, as mortes não solucionadas assombraram a cidade costeira e os oficiais que iniciaram a investigação.

A polícia de Virginia Beach não deu detalhes sobre a investigação e disse apenas que que “sua unidade de ‘casos arquivados’ buscou tecnologia forense avançada”. Em NY, uma lei estadual exige que presos se submetam a exames de DNA e o suspeito já havia sido encarcerado por assalto no estado.

O Dalai Lama, líder espiritual dos budistas tibetanos, provavelmente receberá alta dentro de alguns dias, informou o porta-voz do religioso. O monge budista de 83 anos foi internado terça-feira em um hospital de Nova Déli com uma infecção no peito.

Cultura


Galeria: Imagens impressionantes do Monte Fanjing, ou Fanjingshan, na província de Guizhou, sudoeste da China. Nomeada como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO no ano passado, a montanha abriga uma área de conservação, uma reserva natural e vários templos budistas - ela é considerada um local sagrado há séculos.

“A vida não é justa… não é, amiguinho?”. Com discurso de Scar, a Disney divulgou ontem o novo trailer de O Rei Leão. E os trechos são emocionantes: o encontro de Simba com Timão e Pumba foi um dos principais assuntos no Twitter Mundial e levou muitos fãs às lágrimas. No Youtube, vídeo segue em alta.

A animação, pra quem não sabe, é inspirada em Hamlet, de William Shakespeare. O Rei Leão foi originalmente lançado em 1994 e é um dos filmes de maior faturamento em Hollywood. Confira outras curiosidades sobre o filme que deve chegar aos cinemas no dia 19 de julho.

Cotidiano Digital


As últimas eleições legislativas nos EUA mostraram que os políticos ainda não entenderam o peso da internet e das redes sociais. Segundo relatório da consultoria Tech for Campaigns, as campanhas dos principais partidos americanos investiram pouco em propaganda política nos meios digitais. Os democratas direcionaram à rede apenas 7% dos seus recursos com propaganda; os republicanos menos ainda, 4%. Para se ter uma ideia, a campanha que levou Trump à Casa Branca desaguou 44% de seu dinheiro na propaganda digital. E ainda é menos que a média de 54% das empresas privadas.

Diante da avaliação de que as leis atuais e a auto-regulamentação não tem conseguido garantir a segurança nas redes sociais, o Reino Unido colocou em debate a criação de uma agência regulatória com amplos poderes. Os principais alvos da proposta incluem cyber-bullying, trolagem e disseminação de notícias falsas; além de crimes como incitação ao terrorismo, pedofilia e pornografia de vingança.

Empresas que produzem insumos agrícolas e fazendeiros dos EUA estão faturando alto com um outro tipo de colheita, a de dados. Companhias como a Bayer e a DowDuPont já oferecem aplicativos nos quais os agricultores inserem informações como rotação das culturas, chuvas, uso de defensivos e fertilizantes. Além de lucrarem com a venda de seu material, elas recebem as taxas de assinatura dos aplicativos. Segundo Ben Riensche, dono de uma fazenda em Iowa, o aplicativo conseguiu reduzir em 6% o uso de sementes e em 11% o de fertilizantes sem prejudicar a qualidade da produção.





Bem-vindo ao Meio. A assinatura básica é gratuita, comece agora mesmo.



11 de abril de 2019
Consultar edições passadas