Ainda não é assinante? Assine. Não custa nada.



12 de dezembro de 2019
Consultar edições passadas

Senado aprova Pacote Anticrime que vai a sanção


O Senado aprovou ontem à noite o pacote anticrime apresentado pelo governo federal e que reúne propostas do ministro da Justiça Sergio Moro e de Alexandre de Moraes, do Supremo. A versão que passou foi a mesma já aprovada pela Câmara. Ficaram de fora o excludente de ilicitude, que beneficia policiais que matam durante operações, a prisão após condenação em segunda instância e o chamado plea bargain — a possibilidade de criminosos concordarem com uma condenação branda em troca de confissão sem a necessidade de julgamento. O texto que vai à sanção do presidente Jair Bolsonaro inclui a criação do juiz de garantias, que orientará a investigação e não será o magistrado responsável pelo julgamento. (Poder 360)

Diga-se... Moro foi entrevistado pela Folha e falou sobre as críticas ao excludente de ilicitude. “ A proposta dizia respeito em uma situação em que alguém sofre uma agressão, reage em legítima defesa e age com excesso por conta de uma perturbação psíquica”, ele afirmou. Casos como o do assassinato pela PM do Rio da menina Ágatha ou dos excessos da PM paulista em Paraisópolis, segundo ele, não seriam tocados pela medida. “No caso do Rio, aparentemente foi uma bala disparada a esmo, por equívoco, não existe uma situação passível de ser caracterizada de legítima defesa. “É quando se reage a uma agressão e tem um excesso, e aí poderia invocar a norma que estávamos propondo. No caso da menina, não teve interpretação nenhuma, foi questão de fato.” (Folha)

O PSL já tinha até anunciado Joice Hasselmann como a nova líder do partido na Câmara, mas a Justiça anulou a suspensão de Eduardo Bolsonaro e seus aliados. O ex-líder do partido, somado a outros 13 deputados, haviam sido afastados da legenda por tentarem tirar o presidente do PSL, Luciano Bivar. Segundo decisão do juiz Giordano Rezende Costa, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal, os bolsonaristas não tiveram oportunidade de participar da reunião do Diretório que levou à suspensão. Ele compreendeu que houve falta de divulgação do que seria discutido. A medida coloca em cheque a liderança de Joice, escolhida por 22 deputados, o que só constitui a maioria do partido se as suspensões forem consideradas válidas. (Globo)

A suspensão dos parlamentares havia sido oficializada por Rodrigo Maia, presidente da Câmara. Depois da decisão, Bolsonaro — o pai — chegou a dizer que o PSL está cheio de traíra e que não repetirá o erro na hora de aceitar novos membros para seu Aliança pelo Brasil. A nova legenda ainda depende da coleta de assinaturas e de registro no Tribunal Superior Eleitoral. Mesmo que sem partido, o presidente afirma que estará na campanha de 2022 de uma forma ou de outra. (G1)

A polêmica nomeação do jornalista Sérgio Camargo para a presidência da Fundação Cultural Palmares foi suspensa pelo governo federal. A instituição é voltada para promover a cultura afro-brasileira e Camargo é contra a existência de um movimento negro. (G1)

Aliás... Está mal cotado no Planalto o ministro da Educação, Abrahan Weintraub, informa Bela Megale. Bolsonaro estuda sua substituição. (Globo)

O Banco Central cortou a taxa básica de juros de 5% para 4,5% ao ano. Essa é quarta queda consecutiva e traz a Selic para uma nova mínima histórica. A decisão, de acordo com o BC, reflete processo de recuperação da economia brasileira, que deve se manter em ritmo gradual. Os analistas não esperam mais cortes pela frente. (Globo)

Enquanto isso... Nos EUA, o Fed manteve inalterada a taxa de juro base da economia, que está na faixa entre 1,5% e 1,75%. O BC americano acredita que o crescimento econômico moderado e baixo desemprego permaneçam até as eleições presidenciais do ano que vem. (G1)

As ações da XP Investimentos, que abriu capital ontem na bolsa de Nova York, fecharam em alta de 27%, com cada ação cotada em US$ 34. O preço inicial foi de US$ 27. A XP captou US$ 2,25 bilhões no IPO em que vendeu 83 milhões de ações. Foi a quarta maior venda de ações do ano nos EUA, e a segunda maior para uma empresa brasileira — só atrás da PagSeguro. (G1)


As urnas já estão abertas, no Reino Unido, para a eleição geral considerada a mais importante de uma geração. Em cinco anos, é o terceiro pleito que ocorre, numa tentativa de romper o impasse do Parlamento em relação ao Brexit. Se os conservadores do premiê Boris Johnson formarem maioria, ele conseguirá levar a cabo a saída do país da União Europeia. Caso perca, será o premiê com mandato mais curto na história. (Axios)

A última pesquisa YouGov prevê que o partido de Johnson deve conquistar uma maioria tímida, porém suficiente. A margem de erro em inúmeros distritos aponta para outros cenários possíveis, o que inclui maioria de uma coalizão oposicionista. (YouGov)

Viver


A ativista sueca Greta Thunberg, de 16 anos, foi escolhida a personalidade do ano pela revista Time. O título é concedido anualmente a pessoas que, por diferentes razões, se destacaram por suas atividades. Greta tornou-se internacionalmente conhecida pelas mobilizações que inspiraram jovens de todo o mundo a cobrar ações concretas de governos contra as mudanças climáticas.

Greta Thunberg: "Wow, isso é inacreditável! Divido essa grande honra com todos do movimento #FridaysForFuture e ativistas climáticos de todos os cantos", escreveu no Twitter.

E uma testemunha afirmou que não houve ataque aos policiais militares durante a suposta ação que acabou com a morte de 9 jovens em um baile funk de Paraisópolis. A afirmação contraria a versão dos agentes. O homem afirmou que estava na Rua Manoel Antônio Pinto, a poucos metros do "pancadão", quando ouviu um barulho de bomba, vindo do cruzamento das ruas Ernest Renan e Rodolf Lotze. A partir daí, segundo o morador, a multidão saiu em fuga pelas ruas de Paraisópolis. A testemunha foi ouvida pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). O delegado que comanda as investigações no DHPP quis saber da testemunha se uma moto em fuga conseguiria entrar no baile. Ela disse que seria impossível devido à quantidade de pessoas que estavam lá durante a madrugada.

No episódio de estreia do podcast Vocês da imprensa, sobre o papel da imprensa no esporte e na sociedade, Marcelo Barreto recebe a jornalista Flávia Oliveira. “Negros só são entrevistados para falar de racismo ou das carências sociais.” Militante na causa da representatividade negra nos diversos segmentos sociais, Flavia reflete sobre como o preconceito e a discriminação aparecem das formas mais sutis possíveis no dia a dia.

Cultura


Nos cinemas, a partir de hoje... um thriller policial, uma comédia e um drama. Em Crime Sem Saída (trailer) um detetive da polícia de Nova Iorque recebe um complexo desafio no trabalho: ele precisa achar e prender um assassino de policiais que está à solta na cidade. Daniel Craig, Chris Evans e Ana de Armas estrelam Entre Facas e Segredos (trailer). Após comemorar 85 anos de idade, um famoso escritor de histórias policiais é encontrado morto dentro de sua propriedade. Um detetive é contratado para investigar o caso e descobre que, entre os funcionários misteriosos e a família conflituosa de Harlan, todos podem ser considerados suspeitos do crime. Em Finalmente Livres (trailer) uma jovem inspetora de polícia descobre que seu marido não era o policial corajoso e honesto que ela acreditava, mas uma verdadeira fraude. Determinada a reparar os erros cometidos por ele, ela cruza o caminho de Antoine, preso injustamente por Santi e condenado a oito anos. Outras estreias.

Seguem as comemorações pelo Batman 80. Lançamento mundial, saiu ontem Dark Knight Returns: The Golden Child. O desenhista brasileiro Rafael Grampá detalha seu trabalho com o roteirista Frank Miller com quem ao longo dos anos acumulou vários Oscars das HQs.

E por falar em Greta... ela aparece na graphic novel. A criança de ouro do título é uma das novidades desta graphic novel, um novo personagem, Jonathan. Um menino de cinco ou seis anos que “é uma espécie de iluminado que representa essa nova voz que surge neste coro de jovens como Greta [Thunberg] e milhares de outros que hoje em dia utilizam suas vozes como suas armas, que ensinam os adultos a fazerem o que realmente é correto ou justo neste momento”, explicou Grampá. A obra, que na esteira das anteriores conta como a super-heroína Carrie, vai se tornando o novo Batman, inclui vários acenos à atualidade, inclusive uma participação da ativista sueca, recebida como uma estrela do rock na atual cúpula da ONU contra a mudança climática, em Madri.

Até dezembro do ano que vem, muito vai se falar sobre Clarice Lispector. Nesta semana, começaram as comemorações antecipadas pelo centenário de uma das maiores escritoras brasileiras – que nasceu no dia 10 de dezembro de 1920, em Chechelnyk, na Ucrânia, e desembarcou no Brasil dois anos mais tarde.

As primeiras ações para celebrar Clarice vêm da sua editora, a Rocco. Ela vai reeditar toda a obra da autora com novo projeto gráfico e usando, inclusive, as telas que Clarice pintou como capa dessas novas edições, que trazem, ainda, novos posfácios para cada um dos volumes. Três títulos acabam de chegar às livrarias. De 1943, seu livro de estreia Perto do Coração Selvagem. De 1946, O Lustre é tido como uma de suas obras mais difíceis. Já A Cidade Sitiada, de 1949, foi escrito em Berna, durante o período em que Clarice acompanhou o marido diplomata na Suíça. O posfácio é de Benjamin Moser, seu biógrafo. Não foram anunciados, ainda, quais serão os próximos lançamentos. Mas duas certezas: A Hora da Estrela encerra o projeto, em 10 de dezembro de 2020; e antes, em julho, para a Flip, onde Clarice já foi homenageada, sai a coletânea Todas as Cartas nos moldes dos outros dois volumes, de contos e crônicas, publicados pela Rocco.

A poeta Mariana Ianelli fez, a convite do Estado, uma sugestão de roteiro de leitura.

Cotidiano Digital


O Google vai criar endereços digitais para mais de dois milhões de moradores de áreas rurais em São Paulo. Trata-se de uma parceria com o governo do estado e tem por foco principal as pequenas estradas ainda não mapeadas oficialmente. Muitos têm dificuldades de receber encomendas. Cada casa vai ganhar o Plus Code, um código de identificação geográfica. Esse número poderá ser compartilhado com o Correios e comércios digitais, por exemplo. O projeto, futuramente, poderá ser levado para favelas e, até servir como modelo para cidades inteligentes.

O YouTube vai começar a deletar comentários e vídeos com insultos raciais, a orientação sexual e gênero, incluindo ameaças implícitas. A nova regra se aplica a todos os usuários da plataforma. Aqueles que não cumprirem, correm o risco de serem excluídos do programa de anúncios, que remunera os canais com mais engajamento. Se usada em documentários e sátiras, por exemplo, pode acabar passando. A liberação ocorrerá dependendo do contexto.

A China pode se tornar o primeiro país a ter uma moeda digital. Segundo um jornal local, o Banco Central chinês vai lançar até o final do ano um teste nas cidades de Suzhou e Shenzhen, esta última o centro da indústria de tecnologia local. A moeda seria compatível com as plataformas de pagamentos do Alibaba e do WeChat e funcionaria para diversos serviços, como transporte, educação e saúde. O objetivo do banco é que a moeda eventualmente substitua completamente o dinheiro físico.

Campeonatos de futebol, mortes de celebridades e busca por emprego foram algumas das pesquisas mais populares entre os brasileiros no Google. (Estadão)

No Twitter, os assuntos mais comentados foram Vingadores: Ultimato, o Flamengo, o BBB e Game of Thrones.





Bem-vindo ao Meio. A assinatura básica é gratuita, comece agora mesmo.



12 de dezembro de 2019
Consultar edições passadas