Assine o Meio: notícia confiável para quem não tem tempo de ler jornal.



21 de dezembro de 2020
Consultar edições passadas



Coronavírus 70% mais contagioso já circula na Europa


Países de quase todos os continentes suspenderam voos provenientes do Reino Unido após Londres confirmar a descoberta de uma cepa mais contagiosa do coronavírus. No sábado, o premiê Boris Johnson disse que a variação é 70% mais contagiosa que o vírus ‘normal’. Matt Hancock, ministro da Saúde, reconheceu que a nova cepa está fora de controle, o que motivou a decretação de lockdown completo no Natal londrino. Alemanha, Arábia Saudita, Argentina, Bélgica, Bulgária, Canadá, Colômbia, El Salvador, França, Holanda, Irã, Irlanda, Israel, Itália, Suíça e Turquia já haviam confirmado a suspensão de voos até a noite de ontem.

Porém... A medida vem tarde. A Itália identificou ontem o primeiro caso de contágio pela nova variante. Hoje o Conselho Europeu se reúne para discutir uma estratégia uniforme. (Globo)

Segundo cientistas, um tipo muito parecido da mutação circulou no Brasil em abril e foi identificado na Austrália e nos EUA meses depois. Não se sabe ainda por que ele reapareceu com força na Inglaterra.

A boa notícia é que, segundo especialistas, as vacinas em uso e em testes são igualmente eficazes contra a nova cepa do vírus.

O Centro de Controle de Doenças (CDC, na sigla em inglês) dos EUA identificou seis casos de reações alérgicas graves à vacina desenvolvida pela Pfizer e pela BioNTech, entre as mais de 112 mil pessoas que já receberam o imunizante. Para se ter uma ideia do quanto o número é baixo, se a mesma quantidade de pessoas comer amendoim, 600 apresentarão a reação alérgica grave. Cerca de três mil pessoas tiveram alguma reação, mas não precisaram de tratamento médico.

Aqui no Brasil, o prefeito eleito do Rio, Eduardo Paes (DEM), firmou, antes mesmo de tomar posse, um acordo com o governo paulista para comprar do Instituto Butantan doses da CoronaVac, que a instituição produz em parceria com a chinesa SinoVac. Ele não revelou quantidade de doses nem como seria sua aplicação, dizendo que essas informações serão divulgadas em janeiro. Enquanto isso, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), aumentou em 70% a verba de publicidade para o ano que vem, incluindo campanhas sobre a vacina.

“A Covid só é letal para idosos.” “Para quem tem histórico de atleta, é só uma ‘gripezinha’.” Todas essas falácias ficam ainda mais indefensáveis diante da morte, neste fim de semana, da nadadora Mariana Franklin Ferreira Silva, de apenas 14 anos, em Presidente Prudente (SP).

Neste domingo, São Paulo e Goiás não divulgaram seus dados sobre a Covid-19. Contando os demais estados, o consórcio de veículos de comunicação contabilizou 408 mortes, totalizando 186.773 desde o início da pandemia. O número de casos no Brasil atingiu 7.237.350, com 24.680 testes positivos registrados no domingo. Apenas a região Nordeste apresentou estabilidade na média móvel de mortes; todas as demais mantiveram tendência de alta.


Humilhação, violência verbal, distúrbios alimentares e até tentativas de suicídio. Esse cenário trágico é relatado por ex-atletas da seleção brasileira de ginástica rítmica, fazendo eco a denúncias semelhantes em pelo menos outros cinco países. Em agosto, uma ex-atleta conclamou as colegas, por meio de um post numa rede social a contarem suas histórias. O Esporte Espetacular falou com vinte dessas moças, das quais sete aceitaram aparecer na reportagem. A obsessão com peso, imposta por treinadores abusivos, é o denominador comum, levando as meninas a distúrbios alimentares e psicológicos. A Confederação Brasileira de Ginástica alega que jamais recebeu denúncias de abusos.

O Bahia demitiu o técnico Mano Menezes e afastou o jogador Indio Ramírez após ambos serem acusados de racismo contra o jogador Gerson, do Flamengo, na partida entre os dois times ontem. Após o clube baiano fazer um gol, Indio teria dito para Gerson “cala a boca, negro”. Já Mano desqualificou a denúncia como “malandragem” do rubro-negro. O Flamengo venceu o jogo por 4 x 3.

meio_greenweek_1156x174_separador

Fique no Verde


O PIX também poderá ser usado para pagar faturas de celular, além da recarga de serviços pré-pagos móveis e fixos. Segundo o BC, a implementação será feita gradualmente de forma independente por cada empresa. O acordo com o Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e Serviços Móvel Celular e Pessoal (SindiTeleBrasil) é mais um de uma série que o BC vem fechando, como o de pagamentos da conta de luz, do recolhimento do FGTS e do eSocial das domésticas. (Globo)

Pois é... O PIX já tem embaralhado o mercado. A tendência é de que o sistema de pagamentos instantâneos do BC concorra inicialmente com os cartões de débito — e, claro, com o papel moeda. Porém mais para frente, pode colocar em xeque o uso de outros meios tradicionais como boleto, TED, DOC e mesmo cartões de crédito. Os bancos, por exemplo, podem perder até 8% de sua receita de taxas com o avanço do PIX. A receita dos operadores das maquininhas de cartões pode diminuir em até 63%.

As empresas de pagamentos já estão agindo para ampliar negócios fora de cartões. A Visa começou a vender serviços de prevenção de fraudes e autenticação de transações para participantes do PIX. Tem feito o mesmo em outros países que têm pagamentos instantâneos, como Índia, Rússia e Reino Unido. A operadora e a MasterCard também participam de outra modalidade de pagamentos, por WhatsApp, que o BC deve autorizar em 2021.

No fim das contas... O Pix não nasceu no vácuo. O Banco Central lançou seu sistema de pagamentos instantâneos em colaboração com os bancos brasileiros ciente de que os concorrentes do exterior estavam a caminho.

Então... Com o avanço do PIX e a meta de implantar o open banking no país em 2021, os apps de finanças pessoais têm se sofisticado. Oferecem, por exemplo, marketplace para avaliar propostas de empréstimos, seguros e cartões e até assistente virtual que dá dicas personalizadas de finanças. (Folha)

Para entender melhor... A renda fixa é a modalidade de investimento mais voltada para quem tem um perfil mais conservador com o seu dinheiro. Tem rentabilidade previsível, fixada sobre algum índice financeiro, como a Selic. Assim, o investidor já sabe quanto aquele investimento irá render. É como se fosse um empréstimo feito ao emissor do título e, em troca, o investidor ganha os juros. Poupança, CDB, Tesouro Direto são alguns dos produtos que entram nessa categoria. Conheça mais e saiba como investir.

Política


Pela primeira vez em 15 anos, quatro ministros do STF decidiram abrir mão das próprias férias. Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio e Alexandre Moraes avisaram que continuarão despachando normalmente, de forma remota, durante o recesso judiciário, que começou ontem. Na prática, isso tira poderes do presidente da Corte, Luís Fux. Num recesso normal, Fux e sua vice Rosa Weber se alternariam na concessão de liminares e decisões de casos apresentados à Corte. Com outros quatro ministros — três dos quais da ala garantista, antagônica a Fux — em atividade, a relatoria das ações será decidida por sorteio. O movimento ainda é um reflexo da profunda divisão no Supremo deixada pela decisão contrária à reeleição dos presidentes da Câmara e do Senado.

E no apagar das luzes antes do recesso, o ministro Nunes Marques deu um presente aos enquadrados na Lei da Ficha Limpa, em ação impetrada pelo PDT. No sábado, em decisão monocrática, Marques suprimiu a determinação de que uma pessoa condenada na Justiça estava impedida de se candidatar por oito anos após o cumprimento da pena, e estipulou que a inelegibilidade é contada a partir da sentença. Na prática, estabeleceu oito anos como prazo máximo, independentemente da natureza do crime ou do tamanho da pena.

Sob a alegação de que “os presídios do Rio estão superlotados”, Gilmar Mendes mandou soltar no mesmo dia da prisão Chaaya Moghrabi, considerado um dos maiores doleiros do país, investigado pela Lava-Jato.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), quer que, a exemplo de ministros do STF, os deputados abram mão do recesso, alegando que a pandemia exige “um esforço maior”. Candidato do Centrão e do Planalto ao cargo de Maia, Artur Lira (PP-AP) disse que a ideia é uma manobra do presidente para fortalecer um eventual candidato de seu grupo, que recebeu reforço dos partidos de oposição. Cresce na Câmara o temor de que, com Lira na presidência, Jair Bolsonaro volte a forçar pautas conservadoras, até mesmo reenviando temas já rejeitados no Congresso.

Devido ao apagão que deixou o Amapá às escuras em novembro, aconteceu ontem o segundo turno da eleição para prefeito em Macapá. Segundo colocado na primeira rodada e nas pesquisas, Dr. Furlan (Cidadania) virou o jogo e venceu com 55,67% dos votos válidos. Josiel Alcolumbre (DEM), irmão do presidente do Senado, obteve 44,33%.

Painel: “O prestígio de Alcolumbre com Bolsonaro será posto à prova após a derrota do irmão, Josiel, em Macapá neste domingo, apostam parlamentares. Atendendo a Alcolumbre, o presidente gravou um vídeo pedindo votos no candidato, o que selou um novo fracasso de Bolsonaro nas urnas.” (Folha)

Cultura


Morreu neste domingo, aos 87 anos, a atriz Nicete Bruno. Ela estava internada em um hospital da Zona Sul carioca e teve complicações decorrentes da Covid-19. Nicete Xavier Miessa não se tornou atriz, ela nasceu atriz em 1933, filha da estrela Eleonor Bruno, de quem trouxe o nome artístico. Estreou com apenas quatro anos de idade num programa da Rádio Guanabara. Aos 14 anos ganhou o prêmio de atriz revelação da Associação Brasileira de Críticas Teatrais. Aos 19 conheceu (e contracenou com) o ator Paulo Goulart, com quem se casou cinco anos depois. Foram 60 anos de vida a dois, até a morte dele, em 2014. Da relação nasceram os também atores Paulo Goulart Júnior, Bárbara Bruno e Beth Goulart. Quando a TV chegou ao Brasil, em 1950, Nicete já estava ali, participando de teleteatros da TV Tupi. Para as gerações mais novas, foi a adorável Dona Benta, da última versão do Sítio do Pica-Pau Amarelo.

Artistas e personalidades das mais diversas áreas saíram em defesa da cantora Ludmilla, que tirou do ar seus perfis em redes sociais após uma série de ataques racistas, machistas e homofóbicos. (Globo)

O premiado The Last of Us Part II, Animal Crossing: New Horizons, Final Fantasy VII Remake e Spider-Man: Miles Morales. Esses foram alguns dos melhores jogos de 2020, segundo o Verge.

E na sexta-feira a Sony retirou da PlayStation Store, sua plataforma de vendas online, o jogo Cyberpunk 2077 devido à grande quantidade de bugs. A empresa anunciou que vai reembolsar os usuários que compraram o jogo. Já a Microsoft também vai reembolsar usuários, mas decidiu manter o jogo no Xbox, aguardando que o estúdio polonês CD Projekt RED faça as correções necessárias. O New York Times tenta entender como um jogo que tinha tudo para dominar o mercado se tornou um desastre sem precedentes na indústria.

E se você não viu o show de Natal de Caetano Veloso na noite de sábado, veja (YouTube). Se possível, agora.

Cotidiano Digital


A Amazon ainda não aceitou ter perdido para a Microsoft o contrato de US$ 10 bilhões do Pentágono, sede das Forças Armadas dos EUA. A empresa de Jeff Bezos voltou a pedir a suspensão do acordo após ter tido sua primeira solicitação negada no começo do ano. A Amazon perdeu para a Microsoft mesmo sendo considerada a favorita no início da licitação para levar o projeto, chamado de JEDI, que faz parte de uma modernização do sistema militar americano.

O WhatsApp começou a testar, com alguns usuários, chamadas de vídeo e áudio no PC.





Bem-vindo ao Meio. A assinatura básica é gratuita, comece agora mesmo.



21 de dezembro de 2020
Consultar edições passadas