Ainda não é assinante? Assine. Não custa nada.



10 de junho de 2021
Consultar edições passadas



TCU afasta auditor bolsonarista; PF investiga suas ações


O Tribunal de Contas da União (TCU) afastou por 60 dias o auditor Alexandre Figueiredo Costa Silva Marques e pediu que ele seja investigado pela Polícia Federal. Marques é suspeito de ter criado e inserido no sistema do tribunal um documento pessoal com dados distorcidos apontando um suposto superdimensionamento nas mortes por Covid. O “relatório” foi citado por Bolsonaro e desmentido pelo próprio TCU. A CPI da Pandemia decidiu ontem convocar o auditor. (Estadão)

Alexandre Marques é filho do coronel reformado do Exército Ricardo Silva Marques, colega de Bolsonaro na Academia Militar. O ex-militar ocupa um cargo comissionado na Petrobras desde 2019 e se reuniu com o presidente pelo menos três vezes. (Metrópoles)

Com o caso do TCU ainda quicando, Bolsonaro criou nova polêmica com informações falsas. Ele comparou as vacinas à cloroquina, dizendo que “ainda são experimentais”. (Estadão)

Enquanto isso, na CPI da Pandemia... Em depoimento ontem, o coronel Élcio Franco, ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde, admitiu que o governo adotou o tratamento precoce e sem comprovação científica como estratégia principal para enfrentar a Covid-19.  (Folha)

E a ministra do STF Rosa Weber autorizou o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), a não comparecer ao depoimento marcado para hoje na CPI ou, comparecendo, a ficar calado. (G1)

Citada duas vezes na CPI pelo senador bolsonarista Luis Carlos Heinze (PP-RS) a partir de uma notícia falsa, a ex-atriz pornô Mia Khalifa usou do Twiter para “participar” da comissão. Os fãs brasileiros aderiram à ideia. (Globo)

Três ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) já votaram no plenário virtual pela liberação da Copa América no Brasil. A relatora Cármen Lúcia não conheceu (rejeitou em analisar o mérito) os pedidos do PSB e da Confederação Nacional de Trabalhadores Metalúrgicos contra o torneio por não preencherem requisitos processuais e foi acompanhada pelo decano Marco Aurélio. Já Ricardo Lewandowski, que incluiu um pedido semelhante do PT em outra ação, autorizou a Copa América mediante a elaboração de um plano para evitar a disseminação do coronavírus. Os outros oito ministros têm até hoje para incluir seus votos no sistema. (Estadão)

Depois da Mastercard, a Ambev desistiu de expor sua marca no torneio. As empresas continuam a patrocinar a Copa América, mas não querem aparecer. (Folha)

A vantagem do ex-presidente Lula (PT) sobre o presidente Bolsonaro (sem partido) num eventual segundo turno em 2022 caiu 7 pontos, de 52% a 34% em abril para 48% a 37% agora, segundo pesquisa do PoderData divulgada ontem. A margem de erro é de dois pontos. Ciro Gomes (PDT) e Luciano Huck (sem partido) também venceriam Bolsonaro, com 44% a 36% e 45% a 35%, respectivamente. O governador paulista João Doria (PSDB) melhorou seu desempenho e agora aparece empatado com Bolsonaro, ambos com 39%. No primeiro turno, Bolsonaro e Lula estão em empate técnico, com 33% e 31%, respectivamente, seguidos por Ciro, que, com 10%, se descolou dos chamados “candidatos de centro”. (Poder360)

Ao menos 21 dos 32 deputados na comissão que analisa a adoção do voto impresso são a favor da medida, três a mais do que o necessário para que ela avance na Câmara. O presidente do TSE, ministro Luiz Roberto Barroso, classifica a medida como retrocesso, mas diz que, se aprovada, será cumprida. (Estadão)

Além do Brasil, somente Bangladesh e Butão usam urnas eletrônicas sem comprovante impresso. (Folha)

O Ministério Público Federal denunciou ontem o assessor especial para Assuntos Internacionais da Presidência, Filipe Martins, por crime de racismo. Em março, durante sessão no Senado, Martins foi flagrado por câmeras fazendo um gesto usado por supremacistas brancos nos EUA. (Globo)

O ministro do Superior Tribunal de Justiça Joel Ilan Paciornik restabeleceu as condenações dos policiais que participaram do massacre do Carandiru, em 1992, quando 111 presos foram mortos na repressão a um motim. Os agentes haviam sido condenados, por cinco júris populares entre 2013 e 2014, a penas que variavam de 48 a 624 anos de prisão, mas os vereditos foram anulados em 2018 pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. Os condenados ainda podem recorrer da decisão do ministro. (G1)

Relembre a história do massacre no Carandiru. (Memória Globo)


A apuração no Peru está praticamente concluída, com 99,12% dos votos contabilizados, e o esquerdista Pedro Castillo mantém uma vantagem de 71.441 votos (0,408 ponto percentual). Embora ainda haja 751 atas (urnas) em análise pela Justiça eleitoral, a candidata conservadora Keiko Fujimori parece reconhecer a derrota – no mau sentido. Ela anunciou ontem que seu partido, o Força Popular, pediu a anulação de 802 atas já validadas em todo o país sob alegação de fraudes. Elas representam cerca de 200 mil votos. (El Comercio)

No Brasil, o governo já dá como certa a vitória de Castillo. Durante um culto evangélico na cidade goiana de Anápolis, Jair Bolsonaro admitiu: “Perdemos o Peru.” (Globo)

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, fez um comentário preconceituoso em encontro com o premiê espanhol, Pedro Sánchez, e empresários dos dois países. “Os mexicanos vieram dos índios, os brasileiros saíram da selva, mas nós os argentinos, chegamos de barcos. E eram barcos que vieram de lá, da Europa”, disse. Fernández tentou se explicar, dizendo citar o poeta mexicano Octávio Paz, mas a frase infeliz é de uma música do argentino Litto Nebbia. Depois, pediu desculpas em redes sociais. (G1)

O racismo de Fernández provocou reações de autoridades e, obviamente, memes. (Folha)

A edição de sábado do Meio, exclusiva para assinantes premium, vai além de um tema principal e mergulha em outros assuntos como tecnologia, música e literatura. Quer um exemplo? Já falamos do impacto do ano 1959 na história do jazz, dos rituais diários de artistas, do fotógrafo que popularizou o slogan Black is Beautiful, e até mesmo sobre Computação Quântica. É uma edição feita para ser curtida com calma, no fim de semana. Assine você também.

Embratel

Tech no próximo nível


Hologramas já não são exclusividade de ficções científicas e têm sido adotados por empresas que querem encontros mais pessoais em uma era virtual. WeWork e Novartis são algumas que fizeram parceria com a canadense ARHT Media, responsável pela HoloPresence. A tecnologia projeta uma pessoa de forma bem realista por meio de um vídeo gravado com fundo de tela verde. Então, a imagem e o áudio são compactados, criptografados e transferidos via conexão de internet e com baixa latência, levando menos de 0,03 segundo para a impressão chegar ao espectador.

Um novo vazamento de senhas pode ser o maior da história. Segundo o Cybernews, cerca de 8,4 bilhões foram expostas em um fórum online, superando em quase duas vezes o total de usuários de internet estimados hoje no mundo. É possível checar se os seus dados foram vazados por aqui.

Pois é… Mais da metade das empresas brasileiras diz ser alvo de ataques digitais com frequência. Mesmo assim, elas admitem que ainda não desenvolvem políticas de segurança digital e treinamento para os seus funcionários de forma aprofundada — apenas 24% das empresas consideram estar bem preparadas e só 32% delas têm uma área própria de cibersegurança. (Folha)

Meio em vídeo. Fin, de finanças. Ops de operações. FinOps. A utilização de serviços na nuvem se tornou um facilitador na vida digital, mas isso também pode ter os seus problemas. Um estudo da Gartner aponta que em qualquer mês uma empresa típica com serviços em nuvem não utiliza 30% daquilo pelo que paga. No #MeioDigital desta semana o editor Pedro Doria explica como a solução pode estar no FinOps. Assista.

Viver


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta quarta-feira o início dos testes clínicos em humanos da ButanVac, vacina contra a Covid-19 desenvolvida pelo Instituto Butantan e que terá produção 100% nacional. O instituto já está produzindo o imunizante, mas a agência explicou em nota que precisará de mais informações e dos resultados dos testes antes de autorizar seu uso emergencial. (UOL)

Falando em vacinas, o governo americano está negociando a compra de 500 milhões de doses do imunizante da Pfizer para serem distribuídos a outros países. Após imunizar a maioria da população dos EUA, Biden estaria buscando recuperar o terreno perdido para China e Rússia na geopolítica da vacina. (Folha)

E a prefeitura do Rio já estuda a vacinação de adolescentes de 16 e 17 anos. Se for autorizada, ela acontecerá depois do calendário da população adulta, previsto para terminar em 23 de outubro. (Globo)

O Brasil está se aproximando das 480 mil mortes por Covid-19. Com os 2.484 óbitos registrados nas últimas 24 horas, o total desde o início da pandemia chega a 479.791. A média móvel em sete dias foi de 1.727 mortes, 2% a menos que nos 14 dias anteriores, o que confirma a tendência de estabilidade em patamar elevado. (G1)

Meio em vídeo. O que a mucormicose, o fungo que está atacando pacientes com Covid-19? Descubra no Meio Explica, no YouTube.

Foi enterrado ontem no Rio o corpo de Kathlen Romeu, morta aos 24 anos grávida de quatro meses por um tiro de fuzil durante um confronto entre policiais e traficantes na comunidade do Lins, Zona Norte do Rio. A família afirma que o tiro foi disparado por um PM, e 21 armas foram apreendidas para perícia. (G1)

O prefeito Eduardo Paes se disse indignado com a morte de Kathlen e fez um apelo para que a polícia, subordinada ao governo do estado, “investigue mais e mate menos”. (Globo)

Panelinha no Meio. Sábado é Dia dos Namorados. Os restaurantes terão de seguir protocolos rígidos de distanciamento, e os entregadores vão estar enlouquecidos. Por que não fazer em casa aquele jantarzinho romântico e ainda com um toque bem brasileiro? Nessa fondue de queijo, o nosso minas padrão substitui o ementhal, e a cachacinha vai no lugar do kirsch. O resto da noite fica por conta da sua criatividade.

Cultura


João Gilberto faria 90 anos hoje. Entre as homenagens, será lançado na semana que vem o disco João Gilberto Eterno, uma coprodução do brasileiro Mario Adnet e do japonês Shigeki Miyata. São 15 faixas nas quais artistas dos dois países recriam clássicos e músicas menos conhecidas do pai da Bossa Nova. (Globo)

Se Árido Movie (2005) tinha como pano de fundo a seca, Acque Movie, novo longa do pernambucano Lírio Ferreira, mostra um Nordeste modificado pela “utopia da água”, mas ainda controlado por coronéis. Alessandra Negrini é Duda, uma documentarista defensora da causa indígena que embarca numa jornada com o filho para levar as cinzas do marido, o repórter-protagonista de Árido Movie, de volta a sua terra natal, uma cidadezinha submersa pela transposição do São Francisco. (Folha)

O governo do estado alemão da Baviera está em pé de guerra com a comissão para restituição de obras de arte saqueadas ou vendidas por nazistas durante o Terceiro Reich. O governo bávaro se recusa a submeter à comissão o quadro Retrato de Madame Soler, de Pablo Picasso, que hoje integra as Coleções de Pinturas do Estado da Baviera. Segundo os especialistas do governo, o quadro foi vendido legitimamente pela família Mendelssohn-Bartholdy entre 1934 e 1935 a um negociante de artes e comprado pelo estado em 1964. Já os herdeiros dizem que venda na década de 1930 foi feita por coação. (Estadão)

Cotidiano Digital


O TikTok e o WeChat não serão mais bloqueados pelo governo americano após Joe Biden revogar decisão de Donald Trump. Mas os apps ainda estão na mira das autoridades: o decreto será substituído por outro que investigará como os aplicativos lidam com os dados dos usuários para identificar se há risco relacionado com a segurança nacional.

O Instagram finalmente deu alguns detalhes de como funcionam seus algoritmos. O Feed e os Stories priorizam conteúdos daqueles de quem são mais próximos, levando em conta uma séries de fatores, incluindo o histórico de interação entre dois usuários. Enquanto a aba de Explorar funciona como uma grade de recomendações, que vem a partir da análise das postagens com as quais o usuário mais interage e ao mesmo tempo o que outros usuários que têm gostos parecidos também gostam. Já o conteúdo do Reels vem de pesquisas constantes com os usuários sobre se acham um vídeo específico divertido ou engraçado. (Link)

El Salvador se tornou o primeiro país a aprovar o bitcoin como moeda legal. Para economistas, no entanto, o risco da adoção é a volatilidade. O bitcoin, por exemplo, tem sofrido uma sequência de quedas e já opera no patamar de US$ 34 mil depois de chegar a US$ 60 mil.





Bem-vindo ao Meio. A assinatura básica é gratuita, comece agora mesmo.



10 de junho de 2021
Consultar edições passadas