Ainda não é assinante? Assine. Não custa nada.



28 de abril de 2022
Consultar edições passadas



Bolsonaro acena com golpe, ameaçando suspender eleições


O evento tinha por objetivo exaltar a livre expressão — a pauta, porém, foi outra. O presidente Jair Bolsonaro (PL) levantou a possibilidade ontem, no Palácio do Planalto, de suspender as eleições. “Não pensam que seria só para presidente”, afirmou. “Isso seria para o Senado, para a Câmara, se tiver algo de anormal.” Descartando sua antiga bandeira do voto impresso, o presidente saiu-se com outro caminho — agora quer que os militares façam uma apuração paralela dos votos. A solenidade de ontem, transmitida ao vivo pela TV Brasil e inflada pelas bancadas Evangélica e da Segurança Pública, era um desagravo ao deputado bolsonarista Daniel Silveira (PTB-RJ), condenado no Supremo Tribunal Federal (STF) por declarações antidemocráticas e incitação à violência contra ministros da Corte. Silveira esteve presente e exibiu, numa moldura o decreto com o indulto que recebeu de Bolsonaro. (UOL)

Em tempo: sem previsão constitucional, a suspensão das eleições ou a interferência do Exército na contagem de votos configurariam golpe de Estado.

Mas não era apenas Silveira que ele tinha em mente. “Alguém sabe onde está a senhora Jeanine Añez nos dias de hoje?”, perguntou ao público. Ele se referia à ex-presidente interina da Bolívia, hoje presa sob as acusações de terrorismo, traição e conspiração para a derrubada do presidente Evo Moralez, em 2019. “Já tentou suicídio mais de uma vez. Sabe do que ela foi acusada? Atos antidemocráticos. Entenderam? É o que nós vivemos no Brasil atualmente”, afirmou. (Metrópoles)

A preocupação não é apenas consigo — envolve também o filho Zero Dois. “O cerceamento da liberdade de expressão, o cerceamento das redes sociais não atinge somente a mim, por que quem foi meu marqueteiro? Foi o Carlos Bolsonaro. Por várias vezes chegou para mim informes de ameaças de prisão por fake news”, acrescentou. (Globo)

Houve espaço até para um ato falho. “Se um militar mente, acabou a carreira dele”, disse Bolsonaro. “E temos um chefe do Executivo que mente”, seguiu. (Veja)

A agressividade não se limitou ao chefe do Executivo... “Não tenho como mandar prender um jornalista da CNN", se queixou o vice-líder do governo na Câmara, Otoni de Paula. Reclamava da jornalista Daniela Lima. Foi aplaudido. (Correio Braziliense)

Mais cedo, o presidente ouviu um não de representantes do WhatsApp e da Meta, empresa que controla o aplicativo. Ele queria que o recurso Comunidades, que permite disparos de mensagens para grupos com milhares de integrantes, fosse implementado imediatamente no Brasil, e não apenas depois das eleições, como anunciou a companhia. As redes sociais e os aplicativos de mensagens são ferramentas cruciais no projeto eleitoral do presidente. Os representantes do WhatsApp explicaram que o adiamento do Comunidades não derivou de um acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para combater desinformação e notícias falsas na eleição. Na época, Bolsonaro classificou o entendimento como um ataque à liberdade de expressão. (Estadão)

Mesmo condenado a quase nove anos de prisão pelo Supremo Tribunal Federal, o deputado Daniel Silveira (PTB-RJ) foi escolhido ontem como vice-presidente da Comissão de Segurança Pública e membro titular da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), considerada a mais importante da Câmara, e de outras duas comissões. (g1)

Silveira afirmou que sua prioridade na CCJ será aprovar uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) limitando a oito anos o mandato dos ministros do STF. Hoje eles permanecem no cargo até a aposentadoria compulsória, aos 75 anos. “Lutar contra o ativismo judicial sempre foi minha bandeira”, afirmou o deputado. (Metrópoles)

O presidente nacional e pré-candidato do União Brasil, Luciano Bivar, indicou ontem que o partido pode deixar as negociações com MDB, PSDB e Cidadania em torno de uma candidatura única ao Planalto. “A União Brasil não pode ficar mais a reboque de querelas ou grupos que não queiram chegar a lugar nenhum”, afirmou. Uma ala do partido defende uma chapa puro-sangue, com o ex-ministro Sérgio Moro sendo vice de Bivar, mas este diz que há outros quadros na sigla para a vaga. A cúpula do UB prefere que Moro concorra à Câmara, puxando votos para eleger outros deputados. (Folha)

Internamente, o MDB acha que a chapa pura do UB não terá futuro e que uma candidatura de consenso com o PSDB e o Cidadania seria competitiva. Fontes ligadas à pré-candidata Simone Tebet avaliam que não adianta ter mais siglas na aliança se seus líderes ficarem brigando por protagonismo. (Poder360)

Correndo por fora, Ciro Gomes (PDT) disse ontem, em evento com prefeitos, que não tem problema em conversar com a chamada “terceira via” se o encontro tiver “critérios, regras e objetivos” e não virar “um conchavo”. Ciro também afirmou ter um bom diálogo com o PSD de Gilberto Kassab, dividido entre algum candidato próprio e a liberação de seus filiados na eleição. (CNN Brasil)

O Comitê de Direitos Humanos da ONU vai publicar hoje a conclusão de uma investigação apontando que o então juiz Sérgio Moro foi parcial nos processos contra o ex-presidente Lula, antecipou Jamil Chade. Na prática, há poucos efeitos, pois o STF já se manifestou pela parcialidade de Moro a anulou todos os processos contra Lula, mas a decisão pode motivar pedidos de reparação para o ex-presidente. O comitê supervisiona o cumprimento do Pacto Internacional de Direitos Civis e Políticos, do qual o Brasil é signatário. Moro respondeu que “Lula foi condenado por corrupção em três instâncias do Judiciário e pelas mãos de nove magistrados” e que “sua prisão foi autorizada pelo STF em março de 2018”. (UOL)


O presidente russo Vladimir Putin elevou o tom nas ameaças ao Ocidente em caso de intervenção na invasão da Ucrânia, que teria, segundo ele “resposta rápida como um raio”. Numa referência ao arsenal nuclear do país, ele disse que suas tropas não hesitarão em usar “as armas mais modernas”. “Nós temos todas as ferramentas para isso. E vamos usá-las se necessário”, afirmou, em pronunciamento ao Legislativo russo. (Guardian)

Enquanto isso... Tanques russos destruídos se tornaram um elemento comum na paisagem ucraniana, com pessoas fazendo selfies ao lado das carcaças, mostra o Washington Post. Segundo a CNN, a estimativa é que a Rússia já tenha perdido quase 600 blindados, e não apenas por competência das tropas de Kiev. Especialistas dizem que os tanques russos levam vários cartuchos de munição na torre do canhão, o que os torna muito vulneráveis a um ataque.

O Meio é importante na sua rotina? Faça uma assinatura premium e nos ajude a crescer. Quem assina recebe suas edições logo depois que elas fecham. Ganha a edição de sábado, mais analítica. Recebe o Meio Político, todas às quartas, e tem acesso ao Monitor, nossa ferramenta de curadoria, que permite acompanhar minuto a minuto as principais notícias do dia.

Embratel

Tech no próximo nível


O varejo foi um dos poucos segmentos que mantiveram o crescimento mesmo durante a pandemia, inclusive acima da média do PIB nacional. Um dos principais motivos para isso foi a digitalização, mas existem outras tecnologias e serviços que estão entre as principais tendências para o varejo em 2022. O “conversational commerce”, por exemplo, foca na presença humana como parte fundamental da jornada de compra e se tornou uma técnica crescente no atendimento ao cliente, contribuindo para que ele não se sinta como “apenas mais um” dentre tantos. Conheça outras tendências positivas que serão fundamentais para o bom desempenho do varejo em 2022.

A nova experiência em realidade virtual da Qatar Airways permite sentir aquele frio na barriga ao fazer o check-in e embarcar no avião para viajar. O QVerse, lançado nesta semana no metaverso, pode ser acessado gratuitamente pelo site da companhia aérea. No ambiente os passageiros podem experimentar o embarque virtual na primeira classe e na classe executiva do Aeroporto Internacional de Hamad (HIA), em Doha (Catar). (Época Negócios)

Sete em cada dez empresas no Brasil fazem uso de tecnologias digitais, segundo a Sondagem Especial Indústria 4.0, feita pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). A pesquisa considerou tecnologias como automação, impressão 3D, inteligência artificial, uso de robôs, entre outras. Apesar do índice de 69%, a maioria das empresas utiliza uma baixa quantidade de tecnologias digitais, indicando que se encontram em uma fase inicial do processo de digitalização. (Agência Brasil)

Viver


Uma nova sublinhagem do sars-cov-2, causador da covid-19 foi identificada em São Paulo. Segundo o laboratório Dasa, a amostra do vírus, colhida em fevereiro de uma criança de três anos, tem uma recombinação que ainda não foi catalogada em qualquer lugar do mundo. Para que seja considerada uma nova subvariante, é preciso que a recombinação apareça em pelos menos mais cinco pessoas. A Dasa também confirmou dois novos casos da subvariante ômicron XE. (Folha)

Uma equipe da Polícia Federal, servidores da Funai e do MPF e o presidente do Conselho Distrital de Saúde Indígena Yanomami e Ye'kwana (Condisi-YY), Júnior Hekurari Yanomami, viajaram ontem para a comunidade Aracaçá (RR), onde uma menina indígena de 12 anos teria morrido após ser estuprada por garimpeiros. Uma criança de três anos teria caído dos braços da mãe, que tentava defender a menina, no Rio Uraricorea e desaparecidos. Os policiais pretendem levar o corpo da menina para uma autópsia em Boa Vista. Aracaçá fica na região de Waikás, e é uma das comunidades indígenas mais ameaçadas pelo garimpo ilegal em Roraima. (g1)

O Supremo Tribunal Federal formou ontem maioria de 9 a 1 para derrubar para derrubar trecho de um decreto do presidente Jair Bolsonaro (PL) que exclui integrantes da sociedade civil do conselho deliberativo do Fundo Nacional do Meio Ambiente (FNMA). O presidente da Corte, ministro Luiz Fux, deve votar amanhã. O único a divergir da relatora Cármen Lúcia foi o ministro Nunes Marques, indicado pelo próprio Bolsonaro para o STF. (Poder360)

Panelinha no Meio. Sabe aquela história de que leite com manga mata? Fake news. E a prova é esta receita de cuscuz de tapioca de colher com manga grelhada. O preparo é surpreendentemente simples e 100% brasileiro. E que delícia.

Cultura


O destaque dos cinemas esta semana é uma produção derivada da TV. Downton Abbey: Uma Nova Era (trailer) é o segundo longa feito a partir da série atualmente na Amazon Prime e retoma a história da família Crawley, agora às voltas com uma herança misteriosa. Da Argentina vem Como Matar a Besta (trailer), estreia de Agustina San Martín na direção. Ao partir para encontrar a tia numa cidadezinha na fronteira com o Brasil, uma jovem encontra um lugar assombrado por uma fera. Ainda na linha sustos, A Criança do Diabo (trailer) mostra uma enfermeira obrigada a confrontar seu passado ao cuidar de um médium decrépito. E a “geeksfera” vai ao delírio com Jujutsu Kaisen 0: O Filme (trailer), inspirado em um dos mais populares animes japoneses.

Confira a programação nos cinemas de sua cidade. (Adoro Cinema)

Arctic Monkeys, Lorde, Travis Scott e Björk serão as atrações principais da primeira edição do festival Primavera Sound no Brasil. Gal Costa, Interpol, Father John Misty e Hermeto Paschoal também estão entre os artistas confirmados. Os shows acontecem entre os dias 31 de outubro e 6 de novembro, no Estádio do Morumbi, em São Paulo, e o preço dos ingressos, que já estão à venda, varia de R$ 410 a R$ 1.400. (UOL)

Cotidiano Digital


Após experimentar uma queda histórica em seu valor de mercado no início deste ano, a Meta apresentou ontem os resultados do primeiro trimestre. A dona do Facebook registrou o crescimento mais lento da companhia nos últimos 10 anos, de acordo com o balanço financeiro. A receita da gigante de tecnologia cresceu apenas 7% na comparação entre os três primeiros meses de 2021 com os três primeiros de 2022 e registrou diminuição de 21% do lucro líquido na comparação trimestral. (Estadão)

O mercado, porém, esperava uma performance pior da Meta depois que Mark Zuckerberg alertou que novas regras de privacidade da Apple poderiam custar à empresa US$ 10 bilhões em vendas perdidas este ano. As ações da Meta chegaram a subir mais de 10% após a divulgação dos resultados. (Seu Dinheiro)

A Apple lançou ontem nos Estados Unidos o programa Self Service Repair, loja online que vai oferecer peças, ferramentas e manuais para que usuários do iPhone realizem o conserto do próprio dispositivo em casa. São mais de 200 peças e ferramentas para reparos do iPhone 12, iPhone 13 e o iPhone SE de terceira geração. Os preços dos kits de autorreparo variam conforme a peça e o modelo do dispositivo. Para a troca da tela do iPhone 13 Pro, por exemplo, o pacote custa US$ 269 (cerca de R$ 1.345). O Self Service Repair deve ser lançado na Europa ainda este ano e não há previsão para chegar ao Brasil. (CNBC)

E nesse turbilhão digital... O Orkut pode voltar.

Se você gosta de se informar enquanto faz exercícios, vai para o trabalho ou toma café, pode ouvir as notícias mais importantes do dia No pé do Ouvido. O nosso podcast é a versão em áudio das edições diárias do Meio. Disponível nos principais tocadores: Apple PodcastsSpotifyAmazon MusicDeezerPocket Casts e Google Podcasts. Ouça agora.





Bem-vindo ao Meio. A assinatura básica é gratuita, comece agora mesmo.



28 de abril de 2022
Consultar edições passadas