Sindicato de delegados critica Vai-Vai por representar policiais como demônios em desfile

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

O Sindicato dos Delegados de Polícia de São Paulo (Sindsesp) emitiu nota de repúdio às alegorias da Vai-Vai sobre a violência policial e sobre a atuação das forças de segurança no estado. A escola, que abriu os desfiles do sábado de Carnaval em São Paulo com uma homenagem ao maior grupo de rap brasileiro, dedicou uma ala à crítica costumaz que os Racionais MC’s fazem às polícias, com fantasias da tropa de choque da PM paulista, só que com chifres e asas de fogo, representando o diabo cristão. A entidade considerou uma “afronta” a caracterizalçai dos integrantes. 

PUBLICIDADE

Com título Capítulo 4, Versículo 3 – Da rua e do povo, o Hip Hop: um manifesto paulistano, a maior campeã do Grupo Especial paulista trouxe referências a diversos álbuns do ritmo urbano, inclusive dos Racionais MC’s, como Sobrevivendo no Inferno (1997), reproduzindo as críticas cantadas por Mano Brown, Edi Rock e Ice Blue nas batidas de KL Jay. Brown e KL Jay participaram do desfile. A Vai-Vai negou promover intencionalmente ataques ou provocações.  “A segurança pública no estado de São Paulo era uma questão importante e latente, com índices altíssimos de mortalidade da população preta e periférica”, disse, também por meio de nota. (g1)

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.