Sora gera preocupações entre especialistas por perigo de ‘deep fakes’

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

A nova ferramenta de vídeos feitos por inteligência artificial da Open AI tem deixado especialistas em alerta para a disseminação de deep fakes ainda mais acuradas que as que existem atualmente. A nova tecnologia – “Sora” – criada para concorrer com o Midjourney e o Stabledifusion, não está disponível ao público, mas gera imagens em movimento complexas, o que pode gerar riscos de conteúdos que violam direitos autorais ou são, de forma geral, violentos ou mesmo falsos. O Sora foi lançado para um público restrito neste primeiro momento. 

PUBLICIDADE

A própria companhia compartilha dessas preocupações, tanto que já informou que os vídeos gerados pelo Sora terão uma marca d’água para caracterizá-los. Mesmo assim, conforme Fabro Steibel, diretor Instituto de Tecnologia e Sociedade (ITS-Rio), isso não garante que conteúdos falsos sejam criados e disseminados, já que há burlas em diversas mecanismos de segurança de tecnologias semelhantes, como o ChatGPT. Diretor executivo da InternetLab, Francisco Brito Cruz indica a necessidade de ferrmamentas que atestem a veracidade de mídias como áudios e vídeos. (O Globo)

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.