‘Chaves’ pode voltar às telas em 2024, diz filho de Roberto Bolaños

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

Fora das grades na TV aberta e nos streamings, os seriados “Chaves” e “Chapolin Colorado” podem reaparecer com toda sua astúcia neste ano. Esta é, ao menos, a expectativa de Roberto Gómez Fernández, filho de Roberto Bolaños (o Quico, na série principal) e herdeiro do Grupo Chespirito. Em entrevista a O Globo, o presidente do grupo de comunicação, que vive uma queda de braço com a Televisa – daí a ausência da produção nas programações ao redor do mundo desde 2020 –, deu a entender que a celeuma pode ter um desfecho ainda neste ano. Fernández classificou o retorno das séries como “a maior responsabilidade” que tem na vida. 

PUBLICIDADE

O imbróglio envolve ainda a atriz Florinda Meza, que deu vida a Dona Florinda. Viúva de Bolaños e madrasta de Roberto Fernández, ela não se dá bem com o enteado e afirma sequer ser convidada para as tratativas relativas à obra, da qual se considera “colaboradora literária”. Além do retorno das séries idealizadas e viabilizadas por Bolaños, Fernández trabalha também numa série biográfica sobre a vida do pai, que morreu em 2014. Pelo que disse, a HBO é a produtora da obra. Um documentário feito pelos brasileiros Calvito Leal e José Francisco Tapajós está no horizonte do universo que conquistou e ainda conquista milhões de fãs ao redor do mundo. (O Globo)

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.