Morre, aos 87 anos, o empresário Abílio Diniz

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

O empresário Abílio Diniz morreu neste domingo (18/2), aos 87 anos. Ele estava internado no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, devido a uma pneumonia. Ele começou a passar mal durante viagem que fez a Aspen, no Colorado, Estados Unidos. Com sintomas fortes de insuficiência respirtória, ele precisou voltar ao Brasil às pressas em um avião adaptado com uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

PUBLICIDADE

De acordo com nota divulgada pela família, ele deixa cinco filhos, esposa, netos e bisnetos. Um dos filhos de Diniz, João Paulo Diniz, já havia falecido em 2022, após um mal súbito.

Diniz é o antigo dono do grupo Pão de Açúcar, um império no varejo que fez dele um  dos maiores empresários do Brasil, mas que decaiu a partir da abertura do mercado brasileiro a produtos estrangeiros. Enquanto estava a frente do grupo empresarial, Diniz enfrentou disputa familiar e um sequestro. Em 2005, o Pão de Açúcar foi comprado pelo grupo francês, Casino.

Após a venda da rede de varejo, Diniz passou a se dedicar à indústria de alimentos. Atualmente, ele era vice-presidente do conselho de administração no Brasil da também rede francesa de supermercados Carrefour. O empresário também era presidente do conselho de administração da Península Participações, empresa de investimentos que pertence à sua família. (Folha)

 

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.