Justiça de SP determina que Meta deixe de usar marca no Brasil

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

A Justiça de São Paulo determinou que a Meta, controladora de Facebook, Instagram e WhatsApp, deixe de usar a marca no Brasil em 30 dias, atendendo a um pedido da Meta Serviços em Informática. A empresa brasileira, responsável pela criação do aplicativo Celular Seguro para o Ministério da Justiça, disse estar sendo prejudicada desde que Mark Zuckerberg trocou o nome do grupo que controla suas redes sociais, em outubro de 2021, pelo novo nome. A companhia nacional já teria recebido 143 ações judiciais de maneira equivocada, quando os autores tinham a intenção de processar a empresa americana. A big tech ainda não se pronunciou, mas ainda pode recorrer. (g1)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.