Diferença salarial entre mulheres e homens abrange 82% das áreas de atuação, diz IBGE

Receba notícias todo dia no seu e-mail.

Assine agora. É grátis.

O IBGE informou que mulheres receberam salários inferiores aos dos homens em empresas de 82% das principais áreas de atuação no Brasil. Os dados, referentes ao ano de 2022, foram divulgados nesta quinta-feira. Apenas em 18% de 357 áreas analisadas, mulheres ganhavam média salarial igual ou maior do que a recebida por homens. Mesmo em atividades onde a presença feminina é superior, como artes, educação e saúde, os pagamentos são inferiores. Considerando todos os campos, mulheres têm salário médio de R$ 3.241,18, 17% a menos que os R$ 3.791,58 pagos ao público masculino. Do ponto de vista da disparidade, a pior área para atuação é a fabricação de mídias virgens, magnéticas e ópticas, com homens ganhando R$ 7.509,33 e mulheres, R$ 1.834,09 – uma diferença de 309,4%. O campo mais favorável, por outro lado, é o das organizações internacionais, onde elas receberam valores 47,7% maiores: R$ 9.018,70 contra R$ 4.717,09. (g1)

PUBLICIDADE

Encontrou algum problema no site? Entre em contato.

Se você já é assinante faça o login aqui.

Fake news são um problema

O Meio é a solução.

Edições exclusivas para assinantes

Todo sábado você recebe uma newsletter com artigos apurados cuidadosamente durante a semana. Política, tecnologia, cultura, comportamento, entre outros temas importantes do momento.


R$15

Mensal

R$150

Anual
(economize 2 meses)
Edição de Sábado: 'O identitarismo promove uma sociedade conflituosa e hostil'
Edição de Sábado: Biden e a sombra de 1968
Edição de Sábado: Descriminalizou, e agora?
Edição de Sábado: Em nome delas
Edição de Sábado: Nova era dos extremos

Sala secreta do #MesaDoMeio

Participe via chat dos nossos debates ao vivo.


R$15

Mensal

R$150

Anual
(economize 2 meses)

Outras vantagens!

  • Entrega prioritária – sua newsletter chega nos primeiros minutos da manhã.
  • Descontos nos cursos e na Loja do Meio

R$15

Mensal

R$150

Anual
(economize 2 meses)