Assine o Meio: notícia confiável para quem não tem tempo de ler jornal.





20 de novembro de 2019
Consultar edições passadas

Prezadas leitoras, caros leitores —

O Meio, por política, não circula em feriados nacionais. O Dia da Consciência Negra é feriado por toda a parte, mas não em todo o país. Por isso, circulamos.

Mas é um dia importante de reflexão. Nessa linha, gostaríamos de deixar aqui, registradas, duas dicas de leitura.

A primeira é em livro. Escravidão (Amazon), o primeiro da nova trilogia de Laurentino Gomes, é um livraço. Damos pouca atenção demais a esta parte da nossa história, quando a estudamos. Não importa em que posição nos situamos no espectro político, é importante saber como nosso país um dia tratou seres humanos.

A segunda é um artigo. Você sabe quem foi Zumbi? O Meio contou a história, em 2017. Ou, ao menos, o muito pouco que sabemos da história do último líder do Quilombo de Palmares. É sua a memória que celebramos neste 20 de novembro.

— Os editores.


Supremo decide hoje se UIF/Coaf pode alertar investigadores


O procurador-geral da República, Augusto Aras, recomendou ao Supremo que revogue a liminar do presidente da Corte, Dias Toffoli, e assim libere as investigações baseadas em alertas do Coaf. O assunto está hoje na pauta do STF. Em julho, Toffoli mandou suspender ao menos 700 ações ao atender a um pedido da defesa do senador Flávio Bolsonaro, que estava sendo investigado pelo Ministério Público do Rio por suspeita de rachadinha em seu gabinete na Assembleia Legislativa. Até ali, a Unidade de Investigações Financeiras, à época ainda chamada Coaf, emitia alertas para autoridades quando percebia movimentações atípicas de valores. Sem números ou detalhes. Polícia ou MP, a partir dali, faziam o requerimento à Justiça para quebra de sigilos caso considerassem necessário. É o padrão internacional e uma das exigências que a OCDE faz a seus membros. O conjunto dos ministros decidirá se mantem ou suspende a liminar. (Poder 360)

O presidente Jair Bolsonaro assinou, ontem, sua desfiliação do PSL. É o primeiro presidente na história da República a deixar seu partido. Seu filho mais velho, o senador Flavio Bolsonaro, também se desfiliou. (G1)

O caminho para sua nova legenda, a Aliança pelo Brasil, será difícil. A Procuradoria Geral Eleitoral deu ontem parecer contrário à coleta eletrônica de assinaturas. Se o TSE concordar com o Ministério Público, os aliados ao partido precisarão coletar as quase 500 mil assinaturas e conferi-las uma a uma manualmente. (Poder 360)

Enquanto isso... Luciano Bivar foi reconduzido, ontem, à presidência do PSL. Políticos ligados a Bolsonaro serão punidos. É o caso principalmente dos deputados, que não podem deixar o partido sob o risco de perderem o mandato — a lista inclui Eduardo Bolsonaro. Deputados só não perdem os mandatos ao deixar seus partidos em caso de uma legenda nova ou de expulsão. (G1)

Aliás... De acordo com Guilherme Amado, Eduardo e os outros parlamentares ligados ao presidente que estão na CPMI das Fake News serão retirados. A decisão abrirá as portas para a convocação do vereador carioca Carlos Bolsonaro. (Época)

Diga-se... A Polícia Federal ouviu, ontem, o porteiro do condomínio Vivendas da Barra que afirmou ter liberado um dos suspeitos de assassinato da vereadora Marielle Franco por autorização de Bolsonaro. Segundo Ancelmo Gois, a PF apura se houve obstrução de Justiça, falso testemunho ou denunciação caluniosa. (Globo)

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, concordou em receber o ex-presidente Lula. O deputado petista José Guimarães, que intermediou o convite para o encontro, sugeriu que gostaria de ver Maia como candidato a vice do petista. A Tales de Faria, Maia afirmou que não tem qualquer intenção de aliança. “Ele é um ex-presidente da República e eu não recusaria o encontro”, disse. “Mas agora é hora de cuidar do meu projeto.” (UOL)

O DEM expulsou o deputado estadual paulista Arthur do Val, o Mamãe Falei. Arthur vinha criticando o governo do tucano João Doria e gostaria de concorrer à Prefeitura. O PSDB, de Doria e do prefeito Bruno Covas, é aliado do DEM. (Folha)


Prefeito de South Bend, em Indiana, Pete Buttigieg saltou para 25% das intenções de voto nas primárias de New Hampshire, o segundo estado a escolher seu candidato à presidência americana pelo partido Democrata. O ex-vice-presidente Joe Biden aparece em segundo, empatado com a senadora Elizabeth Warren, 15% cada um, seguidos pelo também senador Bernie Sanders, com 9%. A pesquisa do Instituto de Política de New Hampshire anunciada ontem é a primeira a apontar esta liderança no estado. Buttigieg também se tornou líder em Iowa, que como New Hampshire faz sua escolha no início de janeiro. (The Hill)

Cotidiano Digital


As decisões relativas ao leilão de frequências 5G deixaram as mãos da Anatel, ontem, e foram parar dentro do Palácio do Planalto. O próprio presidente Jair Bolsonaro conduzirá hoje uma reunião sobre o tema, que agora será gerido pelo Programa de Parcerias de Investimentos. Sob tutela do ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, o PPI cuida das iniciativas de privatização. (Valor)

O Twitter acusou o Partido Conservador britânico de intencionalmente se utilizar da rede social para confundir eleitores durante o pleito. A legenda trocou o nome de sua conta de assessoria de imprensa para factcheckUK, como se fosse isenta para checar a consistência de fatos. “Temos políticas globais que proíbem tentativas de enganar o público”, afirmou a empresa em comunicado, “e isto também vale para contas verificadas. Qualquer outra tentativa de enganar o público será encerrada com uma ação corretiva rápida.”

Aliás... O WhatsApp informou que, no total, baniu 400 mil contas durante as eleições brasileiras de 2018. O corte se deu entre 15 de agosto e 28 de outubro e todas estavam envolvidas em disparos de massa, disseminação de notícias falsas e discurso de ódio. (Folha)

A Amazon pôs à venda, no mercado americano, uma pequena caixa chamada Fire TV Blaster. Custa US$ 34,99 e, em essência, é um emissor de infravermelho que ouve comandos de voz. A vantagem é que a caixa envia os mesmos comandos de controle remoto para TV e todo o resto do equipamento de áudio e vídeo. Desta forma, permite dar ordens para que a TV ligue no canal tal, que já entre na Netflix ou o que for.

Viver


Dados do IBGE apontam que, entre 2012 e 2018, o número de autodeclarados pretos e pardos cresceu em quase 12 milhões de pessoas no Brasil; já o total de brancos caiu. O G1 conversou com pessoas que mudaram suas percepções raciais nos últimos anos para entender o que as motivou e revela por que cada vez mais brasileiros estão se autodeclarando negros.

O Brasil tem apenas um ministro negro nos tribunais de justiça superiores. Benedito Gonçalves, do STJ, é exceção entre 88 magistrados que compõem atualmente os cinco tribunais do país. Entre ex-ministros, há somente mais seis casos registrados na História.

Pois é...Negros são maioria na universidade pública, mas não nos cursos de elite. Medicina, Engenharia, Odontologia e Direito refletem desigualdade; especialistas apontam dificuldades estruturais.

Dia da Consciência Negra. No Youtube, um mini-doc conta a história de reis e rainhas que viveram no Brasil durante o período escravocrata. O BuzzFeed Vozes convidou o pesquisador Ale Santos, em parceria com o Blue Note de São Paulo, pra contar três histórias de realezas. Neste primeiro episódio conheça Zacimba, a Rainha Guerreira.

O tiro que matou a menina Ágatha Félix na noite do dia 20 de setembro partiu de um policial militar lotado na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro da Fazendinha, no Complexo de Favelas do Alemão, zona norte do Rio de Janeiro. Esta é a principal conclusão do inquérito da Delegacia de Homicídios da Polícia Civil, que indiciou o PM por homicídio doloso, segundo confirmou a corporação por meio de nota. Está previsto que o Ministério Público Estadual receba ainda hoje o documento. Caberá ao organismo decidir se pede a abertura de um processo criminal contra o agente ou o arquivamento do inquérito.

Cultura


No Spotify, uma playlist dedicada ao Dia Da Consciência Negra.

O elenco de Star Wars IX estará na CCXP19. A Disney anunciou as presenças de Daisy Ridley, John Boyega, Oscar Isaac, J.J. Abrams e Kathleen Kennedy no evento, que acontece entre os dias 5 e 8 de dezembro. Os astros estarão em um painel no sábado (7) para divulgar Star Wars: A Ascensão Skywalker, que chega aos cinemas em 19 de dezembro.

Por falar em Star Wars...J.J. Abrams tranquilizou os fãs preocupados com o excesso de revelações nos trailers no nono capítulo da franquia. Em entrevista para a Entertainment Weekly, o diretor garantiu que os trailers só arranharam a superfície. Segundo Oscar Isaac, que retorna para interpretar o piloto rebelde Poe Dameron, A Ascensão Skywalker tem mais do espírito da trilogia original. Buscando realismo na relação de Poe, Rey (Daisy Ridley) e Finn (John Boyega), que partem em missão conjunta pela primeira vez, Abrams incentivou os atores a improvisarem diálogos. Outro aspecto importante do filme é o retorno de Carrie Fisher como a General Leia. Embora a atriz tenha morrido em dezembro de 2016, Abrams e sua equipe recuperaram cenas deletadas de Os Últimos Jedi.

São altas as expectativas da Amazon para a série de O Senhor dos Anéis. A empresa já renovou uma segunda temporada antes mesmo de lançar a primeira no Prime Video. Na verdade, os episódios ainda sequer foram filmados, mas a ideia é que todos os roteiros estejam prontos para que as duas temporadas sejam gravadas juntas.

E o Primeiro Museu da Vagina foi inaugurado na Inglaterra. Ele fica localizado no Mercado de Camden, em Londres, e pretende esclarecer informações sobre o órgão, um assunto que ainda é tratado como tabu na sociedade.

Aliás, uma nova pesquisa publicada na revista científica Clinical Anatomy aponta que o clitóris, além de proporcionar prazer, é extremamente importante para a reprodução humana. O cientista Roy Levin, da Universidade de Sheffield, na Inglaterra, analisou 15 estudos realizados entre 1966 e 2017 para entender quais seriam as funções do órgão. A revisão concluiu que a estimulação do clitóris provoca mudanças físicas que incentivam a fertilização do óvulo.





Bem-vindo ao Meio. A assinatura básica é gratuita, comece agora mesmo.




20 de novembro de 2019
Consultar edições passadas